Dia D contra a gripe: Veja os pontos de vacinação na Grande Vitória

Campanha Nacional de Vacinação

Neste sábado (4) acontece a mobilização nacional contra a gripe. Em Vitória, 28 unidades de saúde estarão com as salas de vacinas abertas das 8 às 17 horas para receber a população do grupo prioritário que ainda não foi imunizada. A meta da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) para o Dia D é vacinar 10 mil pessoas.

Os moradores poderão procurar as unidades de Andorinhas, Ilha das Caieiras, Maruípe, Praia do Suá, República, Resistência, Santa Luiza, Santo André, Santo Antônio, Vitória/Parque Moscoso, Alagoano, São Pedro V, Bairro da Penha, Quadro, Grande Vitória, Consolação, Ilha de Santa Maria, Ilha do Príncipe, Jabour, Jesus de Nazareth, Maria Ortiz, Santa Martha, São Cristóvão, Forte São João, Jardim Camburi, Jardim da Penha, Conquista e Itararé.

Em Cariacica, nas unidades que farão a vacinação, serão entregues senhas para organizar a fila. Cada unidade vai avaliar a quantidade a ser distribuída de acordo com o dia e com a demanda. Na prática, será entregue até determinado horário de forma a encerrar a vacinação no horário previsto em cada unidade. Não há agendamento online.

Já em Vila Velha, além da vacinação nas unidades básicas, os Shoppings e o Praia da Costa também realizará a vacinação.

O Shopping Praia da Costa funcionará no sábado, das 10h às 21h, e no domingo, das 11h às 21h. O Shopping Boulevard também funcionará nos dois dias, das 10h às 21h. Ambos vão realizar a vacinação, neste mesmo horário, em todos os fins de semana da campanha, até os dias 25 e 26 de maio.

Além disso, neste sábado (4), todas as unidades de saúde, exceto a da Prainha, funcionarão das 8h às 17h. Durante a semana, o horário segue inalterado, das 7h30 às 16h30.

Público Alvo

O público-alvo da vacinação é:

– pessoas com 60 anos ou mais de idade

– crianças na faixa etária de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)

– gestantes

– puérperas (mulheres até 45 dias após o parto)

– trabalhadores da saúde

– professores das escolas públicas e privadas

– povos indígenas

– grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais

– adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas

– população privada de liberdade

– funcionários do sistema prisional.

– policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas

Documentação

O usuário deverá levar sempre documento de identificação, cartão de vacina e cartão dos SUS.