Entenda como muda o tempo de aposentadoria após a reforma da Previdência

Foto: O Globo

O texto-base da reforma da Previdência foi aprovado nesta quarta-feira no Plenário da Câmara, em primeiro turno por 379 votos a 131. Ele vai alterar as regras para o trabalhador requerer a aposentadoria , como a exigência de uma idade mínima – condição hoje inexistente. Mas haverá modelos de transição para quem já está no mercado de trabalho, tanto para trabalhadores do INSS como para servidores.

Após a aprovação do texto-base em primeiro turno, o próximo passo será a análise dos destaques, propostas feitas pelos deputados e que, se aprovados, podem alterar o texto-base. A expectativa é que a votação dos destaques comece na manhã desta quinta-feira.

O projeto de reforma da Previdência deve ser votado ainda em segundo turno na Casa e, em seguida, será analisado pelo Senado. Se houver alteração, o texto volta para a Câmara.

Além das regras de transição, o texto aprovado na Câmara prevê mudanças no cálculo dos benefícios, que vai contabilizar a média de todas as contribuições – não mais das 80% maiores – e exigir mais tempo na ativa para um valor maior na aposentadoria.