Traficante de drogas da Grande Vitória é preso com 83 kg de maconha

Plantão Policial Foto: Internet
Foram apreendidos 83 kg de maconha (Foto: Divulgação/PCES)

O Departamento Especializado de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil prendeu, nesta terça-feira (9), um homem e duas mulheres por tráfico de drogas no bairro Vila Nova de Colares, na Serra. Durante a operação, foram apreendidos 83 kg de maconha e 15 kg de ácido bórico, assim como material para embalo e balança de precisão.

De acordo com o delegado titular da 1ª Delegacia Especializado de Narcóticos (Denarc), Alberto Roque, Julio Cesar Gonçalves dos Santos, 42 anos, era um grande distribuidor de drogas da Grande Vitória.

“Tivemos a informação de que ele tinha 300 kg de maconha, vinda do Paraguai, e que em poucos dias ele vendeu cerca de 215 kg. Ele também mantinha o depósito na Serra. Foi apreendida uma carga de 83 kg, parte desses 300 kg que ele tinha. Infelizmente não foi possível apreender tudo, mas o mais importante foi a prisão dele.”


Juliana está sendo acusada por tráfico de drogas e associação ao tráfico(Foto: Divulgação/PCES)

Além do Julio, foram presas Keila dos Santos Velho, 20 anos, e Juliana Souza Rodrigues , 20 anos.

“As duas moças vinham de Terra Vermelha, em Vila Velha, buscar 1 kg de maconha para um traficante daquele bairro. As duas não têm passagens criminais. Elas vinham num ônibus de Vila Velha para Serra, acompanhadas de duas crianças de 2 anos. Desceram próximo a um mercado em Carapina para encontrar com o Júlio. A droga seria transportada na mochila das crianças”, explicou o delegado.


Keila está sendo acusada por tráfico de drogas e associação ao tráfico (Foto: Divulgação/PCES)

Ele disse ainda que a polícia conseguiu vê-las entrando num veículo, que foi seguido e parou na base da organização. “A base era em Vila Nova de Colares, onde tinha o restante da droga. Um vídeo feito pelos policiais mostra que ali era só uma base, havia só um colchão. Lá também ele fazia toda a preparação da droga. Toda droga que ele vendia ele passava uma fita que seria uma espécie de selo de qualidade”.

O delegado explicou que Julio já tem uma condenação por tráfico de drogas, que ele já pagou a pena. Atualmente, ele estava com outro processo criminal, também por tráfico de drogas em Campos, no Rio de Janeiro.

As mulheres pasaram por audiência de custódia e foram presas. “Elas estão sendo acusadas por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Também será avaliada a conduta delas exporem as crianças. As suspeitas disseram que só vão falar em juízo”, disse o delegado.