Ex-policial que matou namorada no ES é condenado a 31 anos de prisão

Oex-militar Itamar Rocha Lourenço Junior foi condenado a 31 anos, em regime fechado, de prisão pelo assassinato da namorada, a estudante Ana Clara Félix Cabral, 19 anos.

Itamar foi julgado e condenado pelos crimes de homicídio duplamente qualificado por motivo fútil, com ocultação de cadáver e falsa comunicação de crime.

Na época, ele informou a polícia que havia sido vítima de um assalto e a namorada foi sequestrada. O ex-militar nunca falou sobre o crime.

Ana Clara foi morta com cinco tiros, dentro do carro de Itamar, no dia 5 de fevereiro de 2015.

O exmilitar informou à polícia que o veículo havia sido roubado e namorada levada por um grupo de criminosos.

Fonte: G1