Casal em moto morre após ter contato com fiação telefônica caída em rodovia

Um casal que passava de moto pela Rodovia do Contorno, na Grande Vitória, acabou morrendo depois de ter contato com fios de telefonia que estavam caídos na pista, na noite deste sábado (10). Adão Arcanjo Vindouro, de 43 anos, e Karina Machado Vindouro, de 31, seguiam para um churrasco com a família, onde ele comemoraria o Dia dos Pais com a única filha.

Os cabos caíram depois que uma caminhonete bateu em um poste, no canteiro da rodovia. O irmão de Adão, Sérgio Arcanjo Vindouro, contou que o casal seguia pela rodovia com sentido para Viana, mas não parou quando viu os fios.

“Me falaram que tinham uns fios caídos e ele se ’embaraçaram’ nos fios. Cortou os pescoços deles e ele morreram lá mesmo”, relatou o irmão.

A Eco101, concessionária que administra a via, informou que o casal não teria visto a fiação e, ao passar, os dois ficaram presos em meio aos fios.

O irmão disse que toda a família já tinha preparado o churrasco e estavam apenas aguardando pelos dois. Adão estava indo passar o Dia dos Pais com a filha única, que ele não via há algum tempo.

“Ele tava todo feliz, ela também, mas foi ela que acabou recebendo a notícia da morte do pai pelo telefone”, lembrou.

Adão havia comprado a moto há cerca de apenas dois meses. “Tinha comprado essa moto, ele a esposa dele tinham comprado uma casinha. Estava indo tudo bem com eles, estavam muito felizes”, lamentou.

Os corpos foram levados para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória. O de Adão foi liberado na manhã deste domingo (11) e será enterrado em Ecoporanga, no Norte do Espírito Santo. Já o de Karina ainda não havia sido liberado até esta tarde.