Reforma da Previdência já tem votos necessários para aprovação no Senado

Depois de aprovada no CCJ da Casa,a proposta vai a plenário

A reforma da Previdência já tem votos suficientes para ser aprovada no Senado. O placar é de 53 votos pelo sim ao texto. A mudança constitucional requer o apoio de 49 senadores em dois turnos da votação.

Está marcado para quarta-feira, 14, o início dos trabalhos na Comissão de Constituição e Justiça para debater o tema. Depois de aprovada no CCJ da Casa,a proposta vai a plenário. O relator, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), prometeu entregar o parecer em até três semanas.

A reforma da Previdência já obteve aprovação na Câmara dos Deputados. Era necessário o apoio de 308 parlamentares nos dois turnos de votação, mas a margem foi maior: 379 votos em primeiro turno e 370 no segundo.