Prefeitura de Alegre garante realização da 44ª Expoagro, após decisão judicial

A decisão ocorreu após o Tribunal de Justiça suspender os efeitos da decisão que deferiu o pedido do Ministério Público Estadual para que o Executivo não gaste dinheiro com o evento

Após um embate judicial, a Prefeitura de Alegre vai realizar a 44ª Expoagro, segundo uma nota divulgada na tarde desta terça-feira (13). A decisão ocorreu após o Tribunal de Justiça suspender os efeitos da decisão que deferiu o pedido do Ministério Público Estadual para que o Executivo não gaste dinheiro com o evento.

A liminar concedida pelo Tribunal de Justiça foi emitida e publicada na tarde desta segunda-feira (12). Por esta razão, segundo o Executivo municipal, parte da programação realizada foi prejudicada por falta de tempo hábil para organização das atividades. Foram cancelados o concurso leiteiro, o pavilhão da agricultura familiar, o desfile cívico escolar e o concurso de qualidade de queijo.

Na nota, a prefeitura informou que os recursos que serão investidos na realização da Expoagro Alegre serão mínimos, como previamente planejado. A licitação para contratação de empresa especializada na produção do evento não ultrapassa R$ 64.950,00 mil, e a maioria dos recursos vêm da mobilização de empresas que atuam na cidade para patrocinar o evento, não prejudicando o andamento dos pagamentos e compromissos financeiros da Administração.