conecte-se conosco

Nacional

Adolescente faz festa em motel e mãe descobre pela TV

Publicado

 

 

A festa foi encerrada na madrugada do dia 31 de agosto.

A festa foi encerrada na madrugada do dia 31 de agosto – Alfredo Pereira/RBS TV

Nesta terça-feira (8), a mãe de uma adolescente de 17 anos informou, em depoimento à Polícia Civil, que soube pela televisão que a filha fez uma festa de aniversário em um motel com 18 adultos e outros três adolescentes. O caso ocorreu em Porto Alegre, segundo informações do portal GZH .

A festa foi encerrada pela Brigada Militar durante a madrugada do dia 31 de agosto. Há duas investigações em curso: uma pela aglomeração durante a pandemia de Covid-19 e o período de isolamento social, e outra pela possibilidade de ter ocorrido algum crime.

Em depoimento, a mãe da adolescente disse que ficou sabendo da festa em um motel pela televisão. Além disso, ela afirmou que não conhecia as pessoas que estavam no evento e que a filha negou o uso de drogas, porém disse que ingeriu bebidas alcoólicas. O depoimento da garota de 17 anos deveria ter acontecido na semana passada, porém a adolescente não compareceu.

“Estamos apurando tudo isso, já que a mãe também informou que é comum a filha passar dias fora. Inclusive, declarou que a adolescente disse que iria fazer uma festa simples com quatro amigas”, explicou a delegada Sabrina Teixeira. Também nos chama a atenção que ela confirmou não ter condições de bancar o evento, portanto, alguém financiou”, disse.

As investigações apuram se os outros três adolescentes envolvidos na festa também ingeriram álcool. Dois adultos suspeitos de serem responsáveis de levar bebidas e financiarem o evento deverão depor essa semana.

Em nota, o advogado do motel informou que “o estabelecimento solicitou identificação de todas as pessoas, portanto, os menores ingressaram escondidos. Da mesma forma, não foi fornecida nenhuma bebida alcoólica e o frigobar permaneceu chaveado durante todo o tempo”.

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Cabo reformado do Exército morre após saltar de paraquedas no RJ

Publicado


source
Jorge Luiz Dantas, de 62 anos, tinha mais de vinte anos de experiência com paraquedismo.
Reprodução/redes sociais

Jorge Luiz Dantas, de 62 anos, tinha mais de vinte anos de experiência com paraquedismo.

No último domingo (6), um cabo reformado do Exército morreu após saltar de paraquedas e cair de uma altura de dez metros em Bangu, no Rio de Janeiro.

O cabo Jorge Luiz Dantas, de 62 anos, estava em um evento de comemoração aos 40 anos da turma de paraquedistas do Exército formada em 1980.

Dantas saltava há mais de vinte anos. Segundo testemunhas, ele perdeu o controle ao tentar fazer “uma manobra arriscada para desviar das pessoas que estavam em uma tenda próxima”.

O paraquedista foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros assim que se chocou contra o chão. A Secretaria de Saúde informou que a vítima chegou a uma unidade hospitalar às 12h50, passou por cirurgia, porém não resistiu.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana