conecte-se conosco


Esporte

Atlético MG vira sober a fluminense e a Campeão antecipado do Brasileirao 2021

Publicados

em


De virada e com dois gols do artilheiro Hulk, o Galo venceu o Fluminense na tarde de hoje, 28, no Mineirão, por 2 a 1. Com o resultado, aproximou-se da conquista do título do Campeonato Brasileiro 2021. O time do técnico Cuca chegou aos 78 pontos, 11 a mais que o segundo colocado. Com mais uma vitória ou dois empates, nos três jogos restantes, o Galo garante a taça, independentemente de outros resultados.
       Crédito: Clube Atlético Mineiro/Pedro Souza
A vitória de hoje foi a 24ª do Atlético na competição. E a 15ª consecutiva em casa também pelo Brasileirão. Melhor mandante do campeonato, o Galo tem aproveitamento de 90,7% nos jogos disputados no Mineirão. Em 18 jogos, soma 16 vitórias, 1 empate e 1 derrota.
O jogo
O primeiro tempo foi disputado e muito tenso. O Fluminense atacou logo no primeiro minuto. Com espaço, André chutou de fora da área e Everson defendeu. O Galo teve a primeira oportunidade aos 10. Jair tocou na área para Diego Costa, que chutou para fora.
O Fluminense abriu o marcador aos 13 minutos. Marlon cobrou falta da intermediária e o zagueiro Manoel marcou, de cabeça. Aos 17, o time do Rio de Janeiro chegou novamente. Fred chutou de fora da área e Everson espalmou. Na sequência, Yago Felipe cruzou na área, mas Everson pegou a bola antes de Fred finalizar.
Aos 18, Hulk recebeu a bola na esquerda, avançou e chutou forte. O goleiro Marcos Felipe espalmou. Aos 32, Diego Costa recebeu bola na área e Marlon interceptou com o braço. O árbitro Marielson Alves Silva consultou o lance no VAR e marcou pênalti. Aos 37, Hulk cobrou e fez o gol do Galo: 1 a 1.
A partir daí, o time do técnico Cuca pressionou o adversário. Aos 40, Mariano cruzou na área e Keno cabeceou para fora. Aos 44, Diego Costa tocou para Jair, que chutou por cima do gol do Fluminense.
Segundo tempo
A segunda etapa foi de predomínio atleticano desde o início. Aos seis minutos, Arana cobrou escanteio da esquerda, Alonso cabeceou e o goleiro Marcos Felipe defendeu. Aos 14, Hulk cobrou falta da intermediária, pela direita, e colocou o Galo na frente: 2 a 1.
Aos 18, Diego Costa cruzou na área, mas o goleiro Marcos felipe chegou antes do atacante Hulk e fez a defesa. Aos 44, Sasha avançou até a linha de fundo, mas foi interceptado antes de finalizar.
Próximo compromisso
O próximo jogo do Galo pelo Campeonato Brasileiro será na quinta-feira, dia 2, contra o Bahia, no estádio da Fonte Nova, em Salvador (BA). A partida é válida pela 32ª rodada da competição. Caso o Flamengo, segundo colocado na tabela de classificação, não vença o Ceará na terça-feira, 30, o Galo já entra em campo como campeão. Se o Flamengo vencer o Ceará, uma vitória contra o Bahia garante o título brasileiro ao time comandado pelo técnico Cuca.
FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 2 X 1 FLUMINENSE
Competição: Campeonato Brasileiro
Rodada: 36ª
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Público: 59.896 pagantes
Gols: Hulk (37´ 1º T, 14´ 2º T – Atlético); Manoel (13´ 1º T – Fluminense)
Atlético: Everson, Mariano, Nathan Silva, Alonso, Arana, Allan (Tchê Tchê), Jair, Zaracho, Keno (Nacho), Diego Costa (Vargas), Hulk (Sasha)
Técnico: Cuca
Fluminense: Marcos Felipe, Samuel Xavier, Manoel, David Braz, Marlon, Wellington (Alexandre Jesus), André (Cazares), Yago Felipe, Luiz Henrique (Matheus Martins), Caio Paulista (Jhon Arias), Fred (Bobadilla)
Técnico: Marcão
Cartões amarelos: Nathan Silva, Allan, Keno, Alonso, Diego Costa, Jair (Atlético); Samuel Xavier, David Braz, Matheus Martins (Fluminense)
Árbitro: Marielson Alves Silva (AB-BA)
Árbitro Assistente 1: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa-BA)
Árbitro Assistente 2: Elicarlos Franco de Oliveira (AB-BA)
Quarto Árbitro: Ronei Candido Alves (AB-MG)
Analista de Campo: Sandoval Franco Ferreira (CBF-MG)
Árbitro de Vídeo: Jose Claudio Rocha Filho (VAR Fifa-SP)
AVAR: Fabio Rogerio Baesteiro (AB-SP)
Observador de VAR: Anderson Carlos Gonçalves (CBF-PR)
Fonte:https://atletico.com.br/noticias/vamos-galo

Comentários Facebook
Propaganda

Esporte

Tricolor conta com apoio da torcida para chegar à final da Copinha

Publicados

em


Com 100% de aproveitamento na Copinha, o São Paulo tem feito bonito na competição e chega na semifinal para enfrentar o Palmeiras com um apoio especial: a sua torcida. Desde os primeiros jogos em São Caetano do Sul, os torcedores fizeram uma grande festa e que deve ser ainda maior no sábado, no clássico que será realizado às 19h, na Arena Barueri.

Por ter melhor campanha, o São Paulo será o mandante e terá só são-paulinos no estádio. “Torcida faz diferença. A gente joga pelo torcedor e para o torcedor. Importante a pressão da torcida e a gente espera ter um grande apoio em Barueri”, disse o técnico Alex.

Jogadores e torcedores parecem cada dia mais entrosados. Ao final de todos os jogos, os atletas foram até a torcida e agradeceram ao apoio, com direito a fotos, autógrafos e bate-papo com os são-paulinos que foram ao Anacleto assistir ao jogo.

à torcida do São Paulo vem dando show e feito uma festa muito linda. Vai ser um jogão e espero ver Barueri lotado. A torcida nos motiva muito e a presença dela no estádio, será importante demais”, disse o meia Luiz Henrique.

O São Paulo busca seu quinto título da Copinha. O Tricolor já foi campeão em 1994, 2000, 2010 e 2019.

fonte: http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/futebol-de-base/2022/1/20/tricolor-conta-com-apoio-da-torcida-para-chegar-a-final-da-copinha

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana