conecte-se conosco

Cidades

Cães e gatos em situação de rua serão recolhidos e tratados em Vila Velha

Publicado

De: Secretaria de Meio Ambiente
Texto: Carol Merlo e Rovena Cruz| Foto: Divulgação
Criado: 15 de novembro de 2019

A quantidade de animais nas ruas em situação de abandono aumenta cada dia mais. Por isso, uma equipe vai recolher cãos e gatos, os quais serão encaminhados para tratamento veterinário. A Prefeitura de Vila Velha assinou contrato com a empresa Clínica Veterinária RBV LTDA ME, vencedora da licitação que vai prestar todos os serviços necessários.
 
O secretário municipal de Meio Ambiente, José Vicente de Sá Pimentel, assinou, na manhã desta quinta-feira (14), a homologação do contrato. “É mais um passo da administração, para aumentar a qualidade de vida no município de Vila Velha”, explica José Vicente. 
 
Dentre os serviços da empresa, estão: o recolhimento dos animais abandonados; transporte; guarda provisória; alimentação; higiene e manejo em geral; além de procedimentos clínicos e cirúrgicos; exames; internação; vacinação e assistência médica veterinária para animais de pequeno porte (caninos e felinos), encontrados em situação de abandono e/ou necessidades especiais no Município de Vila Velha.
 
Para proporcionar uma melhor qualidade de vida aos animais, a empresa vai realizar, desde o recolhimento em veículo adequado com a técnica recomendada, até a fase final que é a adoção dos animais.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Câmara Municipal de Cachoeiro de Itapemirim não terá recesso em julho

Publicado

por

A realização de sessões ordinárias na Câmara de Cachoeiro não será interrompida no mês de julho. O anúncio foi feito na sessão desta terça-feira (07) pelo presidente Alexon Soares Cipriano (Republicanos), que já determinou a publicação, no Diário Oficial, de ato da Mesa Diretora suspendendo o recesso parlamentar que ocorreria de 18 a 31 de julho.

O presidente explica que a ideia tem o apoio de todos os vereadores. A justificativa é que, logo no início da pandemia, a Câmara precisou paralisar as atividades em plenário para adequar-se às exigências sanitárias, especialmente o distanciamento social recomendado entre vereadores e servidores. Após quatro semanas, as sessões voltaram a ocorrer, mas pelo sistema de videoconferência, com transmissão pela internet.

“Suspendendo o recesso, compensaremos em parte o tempo que tivemos que utilizar para implantar as sessões eletrônicas”, diz Alexon. Além disso, afirma, o momento exige que a Câmara atue sem cessar na fiscalização do Executivo Municipal e na discussão e aprovação de medidas de enfrentamento à pandemia.

Fonte: Câmara Municipal de Cachoeiro de Itapemirim

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana