conecte-se conosco


Destaque

Carnaval: shows, matinês e desfile de blocos para foliões de Cachoeiro

Os foliões que estiverem em Cachoeiro de  Itapemirim durante o Carnaval poderão contar com uma variada programação preparada pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult). Todas as atividades serão realizadas na Praça de Fátima, Centro, de sábado (2) a terça-feira, com entrada franca. O público poderá se divertir com os concursos […]

Publicados

em

Os foliões que estiverem em Cachoeiro de  Itapemirim durante o Carnaval poderão contar com uma variada programação preparada pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult). Todas as atividades serão realizadas na Praça de Fátima, Centro, de sábado (2) a terça-feira, com entrada franca.

O público poderá se divertir com os concursos de marchinhas, do Rei e da Rainha e de fantasias, shows, desfile de blocos e matinês, atrações que prometem alegria e descontração para todas as idades.

O resgate de elementos tradicionais como os bonecões carnavalescos e o desfile de blocos, que fizeram parte do carnaval cachoeirense por muito tempo, será uma atração especial, tanto para os foliões mais nostálgicos como para os mais novos, que terão a oportunidade de conhecer esses importantes elementos da cultura carnavalesca local.

Segurança

Durante os dias de festa, as famílias de Cachoeiro e visitantes poderão aproveitar a celebração popular mais alegre do ano tranquilamente. É que a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Segurança e Trânsito (Semset), preparou um esquema de segurança especial, com o apoio da Guarda Civil Municipal, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

Além disso, haverá a instalação de dez câmeras de monitoramento, em pontos estratégicos, na Praça de Fátima – local onde ocorrerá todo o evento de Carnaval.

“A Semcult reafirma o compromisso de oferecer aos munícipes e turistas a oportunidade de festejar o carnaval da melhor maneira possível em Cachoeiro, com muita alegria, paz e tranquilidade”, destaca a secretária municipal de Cultura e Turismo, Fernanda Martins.

Em função da organização da festa, de sábado a terça-feira, o acesso do público à Praça de Fátima só poderá ser liberado a partir de meio-dia.  

Confira a programação para todos os dias de folias!

02/03 ~ Sábado
21h ~ Concurso Rei Momo e Rainha Do Carnaval
19h ~ Banda Kê Swing Bom – Circo da Cultura • Concurso de Marchinha Prêmio “Raul Sampaio Cocco”
22h ~ Projeto Feijoada – Palco

03/03 ~ Domingo
18h ~ Matinê Infantil – “Reino Encantado” – Banda Alegria Alegria • Circo da Cultura ‐ Bonecos Sérgio Sampaio / Vela Acesa
20h30 ~ Concurso De Fantasia Luxo E Originalidade
21h30 ~ Apresentação Banda Auge ‐ Palco

04/03 ~ Segunda-feira
18h ~ Matinê Infantil – “O Circo” com Orquestra Chôro S/A • Circo da Cultura ‐ Bonecos Babiana / Zé Nogueira
20h ~ Desfile Dos Blocos
21h30 ~ Bateria Carnavalesca Malícia Do Samba – Palco

05/03 ~ Terça-feira
18h ~ Matinê Infantil – “Mundo das Fantasias”
• Banda Alegria – Circo da Cultura
• Encontro dos Bonecos Zé Nogueira, Sérgio Sampaio, Babiana e Vela Acesa
21h30 ~ Show com Beto Kauê – Palco

Comentários Facebook
Propaganda

Destaque

Mercado financeiro prevê queda de 1,96% na economia este ano

Publicados

em

Com a pandemia de covid-19, o mercado financeiro tem piorado a estimativa para a queda da economia este ano. A previsão de recuo do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – passou de 1,18% para 1,96%. Essa foi a nona redução consecutiva.

A  previsão para o crescimento do PIB em 2021 subiu de 2,50% para 2,70%. As previsões de expansão do PIB em 2022 e 2023 permanecem em 2,50%.

Dólar

A cotação do dólar deve fechar o ano em R$ 4,60, contra R$ 4,50 na semana passada. Para 2021, a expectativa é que a moeda americana fique em R$ 4,47, contra R$ 4,40 da semana passada.

Inflação

As instituições financeiras consultadas pelo BC reduziram a previsão de inflação para 2020 pela quinta vez seguida. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) caiu de 2,72% para 2,52%.

Para 2021, a estimativa de inflação segue em 3,50%, assim como para 2022 e 2023.

A projeção para 2020 está praticamente no limite inferior da meta que deve ser perseguida pelo BC. A meta, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é de 4% em 2020, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo, ou seja, o limite inferior é 2,50% e o superior, 5,50%. Para 2021, a meta é 3,75% e para 2022, 3,50%, também com intervalo de 1,5 ponto percentual em cada ano.

Selic

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, estabelecida atualmente em 3,75% ao ano pelo Comitê de Política Monetária (Copom).

Para o mercado financeiro, a expectativa é que a Selic tenha mais uma redução e encerre 2020 em 3,25% ao ano a mesma previsão da semana passada.

Para o fim de 2021, a expectativa é que a taxa básica chegue a 4,50% ao ano. A previsão anterior era de 4,75% ao ano. Para o fim de 2022 e 2023, as instituições mantiveram a previsão em 6% ao ano.

Quando o Copom reduz a Selic, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica. Quando o Copom aumenta a taxa básica de juros, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança.

Comentários Facebook

Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana