conecte-se conosco


Estado

Ceasa-ES e Seag assinam convênio com OCB/ES

Publicados

em

 

Um acordo oficializado nessa segunda-feira (07) permitirá que a Centrais de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa-ES) ceda um espaço para ser estruturado pela cooperativa selecionada por meio da Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado do Espírito Santo (OCB/ES). O propósito está relacionado às atividades agrícolas e busca apoiar as sociedades cooperativas.

A OCB/ES irá apoiar a Ceasa-ES em atividades que envolvam o cooperativismo em âmbito estadual. “A ação da Cooperativa é uma realidade necessária, especialmente para tornar mais fortes pequenos produtores rurais. Para a Ceasa, é um motivo de orgulho efetivar esse convênio, pois possibilitará ampliar o leque de comércio do pequeno produtor, demonstrando ainda mais a força do cooperativismo e a sensibilidade da Ceasa pelo segmento”, afirma o diretor-presidente da Ceasa-ES, Guilherme Gomes de Souza.

O compromisso firmado entre as instituições demonstra a importância de haver ações que valorizam e beneficiam não apenas as companhias agrícolas, mas também os produtores rurais. “A celebração desse convênio faz parte de uma política de parcerias, com o objetivo de criar um espaço democrático de apoio ao produtor rural junto às cooperativas. A OCB/ES é referência quando o assunto é cooperativismo e não temos dúvida que será um sucesso”, ressaltou o secretário de Estado da Agricultura, Paulo Foletto.

Convênio

Assinaram o convênio a Diretoria da Centrais de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa-ES); a Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), além do superintendente da Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado do Espírito Santo (OCB/ES) e o presidente da Cooperativa Agropecuária Centro Serrana (Coopeavi).

Comentários Facebook
Propaganda

Estado

ES Solidário começa arrecadação de absorventes higiênicos

Publicados

em

 

O ES Solidário, programa do Governo do Estado e coordenado pela Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), está engajado em mais uma missão: o combate à pobreza menstrual. Com isso, além de cestas básicas e produtos de higiene, é incentivada também a doação de absorventes descartáveis.

A secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo, explicou que a ideia da arrecadação surgiu após uma análise das famílias que recebem os donativos do programa, que são pessoas em situação de pobreza e extrema pobreza, além da população em situação de rua.

“São famílias que perderam a maior parte ou totalmente a renda e enfrentam a fome. Sabemos que o problema da fome acaba sendo prioridade, mas existem muitas mulheres, jovens, meninas, além de homens trans, que precisam de absorventes e, na hora de escolherem entre esse produto e um alimento, acabam priorizando a comida. Além disso, não é um item muito barato. Por isso, resolvemos incentivar essa doação por meio do ES Solidário”, explicou a secretária.

As doações de absorventes e outros produtos de higiene pessoal podem ser feitas da mesma forma como ocorre com as cestas básicas: deixadas em uma das bases do Corpo de Bombeiros ou nas unidades de Defesa Civil dos municípios. Doações que forem realizadas em dinheiro também serão, em parte, utilizadas para a compra desses itens.

Programa ES Solidário

O ES Solidário é um programa que recebe doações de donativos feitas por empresas e pela sociedade civil. Contribuições em dinheiro são usadas também para a compra de alimentos e outros itens essenciais, como fraldas descartáveis, máscaras, álcool 70% e agora pacotes de absorventes.

O programa atende às demandas, por meio de solicitações feitas por municípios, coletivos, associações e igrejas, com ações sociais que direcionam as doações de donativos às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. Desde o início da campanha, já foram repassadas mais de 300 toneladas de alimentos provenientes de doações, que chegaram às pessoas que mais precisam.

O programa ainda tem uma parceria com o PicPay. Para fazer sua contribuição, basta baixar o aplicativo, procurar o @essolidario e fazer sua doação na quantia que desejar.

É possível também fazer doações em dinheiro, por meio de Documento Único de Arrecadação (DUA) ou depósito em conta bancária do Governo do Estado, além da doação de serviços comuns, bens móveis ou imóveis, licenças de softwares e o comodato em favor de órgãos e entidades da Administração Pública Estadual, enquanto perdurar o Estado de Emergência em Saúde Pública.

Saiba mais informações sobre como doar em: https://coronavirus.es.gov.br/ESsolidario.

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana