conecte-se conosco


Grande Vitória

Coordenadora do HEVV tem projeto aprovado em um dos maiores centros hospitalares da América Latina

Publicados

em

A especialização em pesquisa clínica será realizada no Hospital Alemão Oswaldo Cruz

A coordenadora de pesquisa do Hospital Evangélico (HEVV), Dra. Cindy Medici Toscano Rozetti, foi selecionada para o curso de especialização em pesquisa clínica em um dos maiores centros hospitalares da América Latina, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, localizado em São Paulo.

O projeto da coordenadora é voltado para o estudo de melhorias das práticas de pesquisa em hospitais filantrópicos e foi um dos 42 escolhidos em todo o Brasil. “Essa qualificação é bem concorrida. O Hospital Oswaldo Cruz é referência em serviços de alta complexidade e ser escolhida foi uma surpresa muito boa porque poderei colocar o resultado desse projeto em prática aqui no Hospital Evangélico”, ressaltou Dra. Cindy Toscano.

A especialização tem dois anos de duração e será no formato híbrido, ou seja, algumas aulas serão online e outras presenciais. A pós-graduação é totalmente custeada pelo Hospital Alemão Oswaldo Cruz em parceria com o Ministério da Saúde.

 “O Hospital Oswaldo Cruz e o Ministério da Saúde pretendem fazer a integração de pessoas que atuam na pesquisa clínica e tenham vínculo com o Sistema Único de Saúde (SUS). E um dos objetivos do meu projeto é justamente trazer melhorias para o processo interno da pesquisa clínica no hospital e oportunizar novos tratamentos para quem procura o HEVV”, destacou a coordenadora.

O Hospital Evangélico conta com um Centro de Ensino de Pesquisa e Inovação (CEPI) que contribui com o aprendizado e estímulo à pesquisa clínica por meio da atualização contínua dos médicos e residentes. Com aprovação e estudo desse projeto, o hospital avançará no setor de pesquisa, pois terá a otimização dos procedimentos internos e que consequentemente trará melhorias para os pacientes.

Cindy Medici Toscano Rozetti

Formada em Enfermagem pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) há nove anos, e concluiu a tese de doutorado em ciências fisiológicas cardiovascular também pela Ufes, em 2020.

Comentários Facebook
Propaganda

Grande Vitória

Vitória registrou recorde da menor temperatura dos últimos 93 anos com 11,6º C

Publicados

em

Na madrugada desta quinta-feira (19), Vitória registrou 11,6° C, na estação meteorológica automática localizada na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), campus Goiabeiras, constatando o recorde de temperatura mínima dos últimos 93 anos. O recorde histórico ocorrido na Capital foi de 10,3 °C, em 21 de julho de 1929, registrado na estação meteorológica convencional, em Ilha de Santa Maria.

Também na região Metropolitana, Vila Velha teve a madrugada mais fria com 9,1° C, o menor registro histórico desde a instalação da estação meteorológica, em 2017. A análise dos dados históricos foi realizada pela coordenação de Meteorologia do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Em Aracê, Domingos Martins, o registro foi de 1,5° C, a menor temperatura desde a instalação da estação meteorológica automática do Incaper, em 2010, na Fazenda Experimental Mendes da Fonseca. O registro representa a menor temperatura do Espírito Santo dos últimos 59 anos. De acordo com a série histórica, o recorde de menor temperatura do Estado é de -1,0° C, ocorrido em 14 de julho de 1963 e registrado pela estação meteorológica convencional instalada no mesmo local.

Na região Serrana, em Venda Nova do Imigrante, a estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), instalada na Fazenda Experimental do Incaper, no município, registrou a mínima de 3,9 °C, sendo o menor registro ocorrido desde a instalação da estação, em 2017. No entanto, o registro não superou o recorde da temperatura mínima de 2,6°C, ocorrido em 1º de junho de 1979.

“Conforme estava previsto pela Coordenação de Meteorologia do Incaper, a madrugada desta quinta-feira (19) foi a mais fria do ano, baseado nas medições das estações meteorológicas operadas pela rede de observações meteorológicas do Espírito Santo. A massa de ar de origem polar está avançando sobre o Estado e tem provocado um declínio acentuado nas temperaturas”, destacou Hugo Ramos, coordenador de Meteorologia do Incaper.

Confira as principais mínimas nos municípios registradas na madrugada desta quinta-feira (19), em estações meteorológicas operadas pelo Incaper e pelo Inmet.

  • Vila Velha (Inmet): 9,1°C
  • Vitória (Inmet): 11,6 °C
  • Venda Nova do Imigrante (Inmet): 3,9 °C
  • São Mateus (Inmet): 13,8 °C
  • Pres. Kennedy (Inmet): 16,5 °C
  • Nova Venécia (Inmet): 14,9 °C
  • Marilândia (Inmet): 14,7 °C
  • Linhares (Inmet): 14,9 °C
  • Ecoporanga (Inmet): 13,4 °C
  • Alfredo Chaves (Inmet): 11,8 °C
  • Alegre (Inmet): 10,3 °C
  • Afonso Cláudio (Inmet): 6,8 °C
  • Aracê, Domingos Martins (Incaper): 1,5 °C
  • Cachoeiro de Itapemirim (Incaper): 13,9 °C
  • Iúna (Incaper): 8,6 °C

Atualização do Aviso Meteorológico

O Aviso Meteorológico, emitido pela Coordenação de Meteorologia do Incaper, foi atualizado nesta quinta-feira (19), com indicação de nível de atenção devido às condições favoráveis para os baixos níveis de umidade do ar. Os índices de umidade relativa do ar deverão atingir valores entre 30% e 20% no período da tarde desta quinta-feira (19).

Entre esta quinta-feira (19) e sábado (21), o aviso permanece com o nível de atenção devido às condições meteorológicas favoráveis para ocorrência de declínio acentuado de temperatura, que podem resultar em temperaturas mínimas de até 5,0 °C, inferiores à média climatológica para o mês de maio. Durante esse período, as condições são favoráveis para o risco de formação de geada na vegetação. Acesse o Aviso Meteorológico.

Para os próximos dias, a tendência é que as temperaturas continuem amenas no Espírito Santo por conta da atuação da massa de ar polar. Mais detalhes sobre a tendência da previsão para os próximos dias podem ser acessados em: meteorologia.incaper.es.gov.br.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana