conecte-se conosco


Estado

Coronavírus no RJ: Estado contabiliza 7.672 mortes e 79.572 casos confirmados

Publicados

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro registrou, até este domingo (14/06), 7.672 mortes e 79.572 casos confirmados de Covid-19. Há ainda 1.163 óbitos em investigação, e 277 foram descartados. Até o momento, entre os casos confirmados, 63.817 pacientes se recuperaram da doença.

As 7.672 vítimas de Covid-19 foram registradas nos seguintes municípios:

Rio de Janeiro – 5.043

Duque de Caxias – 342

Niterói – 146

Campos dos Goytacazes – 59

Macaé – 54

Rio das Ostras – 26

São Francisco de Itabapoana – 8

São João da Barra – 7

Armação dos Búzios e Itaocara – 4

Italva e Santo Antônio de Pádua – 3

Bom Jesus do Itabapoana – 2

Carapebus, Itaperuna, Natividade, Porciúncula e Quissamã – 1

Os casos confirmados no estado estão distribuídos da seguinte maneira:

Rio de Janeiro – 41.768

Niterói – 4.572

Duque de Caxias – 2.193

Macaé – 1.462

Campos dos Goytacazes – 1.213

Rio das Ostras – 591

Itaperuna – 316

Santo Antônio de Pádua – 219

São João da Barra – 161

Quissamã – 126

São Fidélis – 125

São Francisco de Itabapoana – 106

Italva – 101

Bom Jesus do Itabapoana – 86

Natividade – 72

São José de Ubá – 69

Laje do Muriaé – 68

Itaocara – 67

Miracema – 63

Carapebus – 58

Porciúncula – 56

Cambuci – 42

Cardoso Moreira – 42

Aperibé – 38

Varre-Sai – 17

Para mais informações, acesse o painel de monitoramento de casos no Estado do Rio de Janeiro em painel.saude.rj.gov.br.

Medidas de prevenção

– Proteger nariz e boca ao espirrar ou tossir;
– Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres e copos;
– Lavar frequentemente as mãos, especialmente após espirrar ou tossir;
– Utilizar álcool em gel nas mãos;
– Evitar tocar o rosto.

Fonte: Núcleo de Imprensa Governo do Rio de Janeiro

Comentários Facebook
Propaganda

Estado

Governo do Estado promove encontro em comemoração ao Mês da Criança

Publicados

em


Com o objetivo de sensibilizar a sociedade capixaba para a importância das iniciativas públicas voltadas para a primeira infância, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades) realizou, nesta quarta-feira (20), a primeira edição do “Primeira Infância no Palácio”. A iniciativa foi organizada pela Subsecretaria de Articulação de Políticas Intersetoriais (Subapi), responsável pela coordenação e estruturação do Plano Estadual Pela Primeira Infância (Pepi), que será lançado no próximo mês.

O encontro no Palácio Anchieta contou com a participação de comitivas dos 24 municípios adesos ao Programa Criança Feliz. Dentre os representantes municipais dos serviços de atendimento às crianças e familiares, estavam presentes alguns pequenos cidadãos atendidos pelo programa, que se divertiram com a programação pensada especialmente para eles.

Em sua fala, o governador Renato Casagrande disse que é crucial que o poder público desenvolva um olhar para a primeira infância, reafirmando o compromisso do Governo com a temática. “Queria dar as boas-vindas a todos aqui, em especial para as crianças e dizer que o palácio é de vocês. Nós temos um dever com todas as crianças, pois acredito que o bem-estar da população passa pelo cuidado e pela atenção com nossa infância”, enfatizou. Ele estava acompanhado pela primeira-dama do Estado, Maria Virginia Casagrande.

A secretária de Estado de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social, Cyntia Figueira Grillo, ressaltou que o governador Renato Casagrande tem sido um grande impulsionador do trabalho voltado para a primeira infância e de uma discussão importante a respeito da falta de oportunidades causada pela desigualdade. 

“Pobreza não é somente uma questão de ausência de renda. Pobreza também é falta de oportunidade e de acesso aos serviços de qualidade, como educação, saúde e lazer. Esses fatores podem contribuir para que as pessoas permaneçam em situação de pobreza por gerações. Por isso, investir na primeira infância, ofertando serviços públicos de qualidade e oportunidades para que as crianças exerçam todo seu potencial, é uma importante ferramenta para quebrar esse ciclo geracional de pobreza”, pontuou Cyntia Grillo.

Já a subsecretária de Estado de Articulação de Políticas Intersetoriais da Setades, Márlei Vieira Fernandes, ressaltou que sempre recebeu apoio para a estruturação do Plano Estadual pela Primeira Infância. “Passamos da adesão a um programa federal para uma política pública Estadual, com oito projetos estruturantes. Conseguimos concretizar algo realmente importante para o Estado, com o suporte dado pelo governador, apoio da primeira-dama Virgínia Casagrande e com o trabalho de nossa equipe. É muito gratificante. Muito em breve, teremos muitas entregas para ofertar às nossas crianças e a suas famílias”, salientou.

Os municípios que marcaram presença na primeira edição do “Primeira Infância no Palácio” foram Águia Branca, Alfredo Chaves, Apiacá, Baixo Guandu, Cachoeiro do Itapemirim, Colatina, Dores do Rio Preto, Fundão, Guaçuí, Ibiraçu, Irupi, João Neiva, Linhares, Mantenópolis, Marataízes, Montanha, Mucurici, Muqui, Ponto Belo, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Teresa, São Mateus e Vargem Alta.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Setades
Samyra Ferreira
(27) 3336-6803
[email protected]

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana