conecte-se conosco


Nacional

Detran do Ceará lança CNH Popular gratuita; veja os requisitos

Publicados

em


source
Carteira Nacional de Habilitação (CNH)
Reprodução

Carteira Nacional de Habilitação (CNH)

Durante uma live, o governador Camilo Santana anunciou, nesta quarta-feira (13), lançou oficialmente o Programa Carteira Nacional de Habilitação Popular, conhecido como CNH Popular de 2021. O projeto disponibiliza de 25 mil vagas em todo o estado.

Segundo Santana, os documentos serão entregues até 2022 e lembrou que o programa já habilitou 139 mil pessoas. Neste ano, serão 20 mil carteiras para o interior e outras 5 mil para Fortaleza. 

Quem pode se cadastrar?

  • Pessoas com deficiência;

  • Beneficiários do Programa Bolsa Família;

  • Pessoas Egressas do Sistema Penitenciário;

Como se inscrever?

  • Ir ao site do Detran (www.detran.ce.gov.br), depois clicar em “habilitação” e em “CNH popular”.

    Leia Também

  • Escolher a forma de acesso (primeira habilitação);

  • Informar seu CPF, em seguida confirmar. Depois, aparece um formulário que pedirá dados como contato e profissão.

  • Depois, é preciso anexar os documentos (comprovante de residência, identidade, NIS, CPF). Importante deixar o contato como telefone ou e-mail.

  • Após confirmado o cadastro pelo interessado, uma comissão vai analisar o pedido, e a pessoa pode acompanhar o status de seu pedido pelo próprio site.

  • O interessado vai receber informações sobre a situação do seu cadastro pelo seu e-mail e também no site do Detran. Nele haverá a situação do cadastro com uma tela de acompanhamento.

O programa acontece desde 2009 e possibilita o acesso das pessoas de baixa renda, gratuitamente, à obtenção da primeira CNH nas categorias A (moto) ou B (automóvel). O cadastramento só acontece pelo site oficial do Detran.


Comentários Facebook
Propaganda

Nacional

Novo serviço: saiba como reconhecer firma pela internet

Publicados

em


source
Cartórios permitem o reconhecimento de firma pela internet
Pixabay

Cartórios permitem o reconhecimento de firma pela internet

O Colégio Notarial do Brasil lançou no último dia 18 um serviço que promete facilitar a vida dos brasileiros. Agora, o reconhecimento de firma por autenticidade, antes feito só presencialmente, está disponível pela internet.

Para conseguir fazer o procedimento, é preciso ter firma aberta no cartório escolhido, e ter emitido assinatura digital – que não tem custo, no mesmo tabelionato.

Como é feito

Para realizar o reconhecimento de firma por autenticidade online, o cidadão deve escolher um Cartório de Notas na relação disponível em www.e-notariado.org.br, e as partes envolvidas devem assinar o documento original e enviá-lo à unidade pelo correio ou presencialmente.

Leia Também

Em seguida, o Tabelião agenda uma videoconferência para confirmar a identidade e capacidade civil do solicitante. Em seguida, o cidadão assina um termo de validação eletronicamente, e a firma autêntica do documento original é reconhecida.

O Cartório então disponibiliza o documento para retirada ou para que seja entregue ao destinatário.

Por enquanto, apenas o reconhecimento de firma por autenticidade, onde o cidadão vai presencialmente ao Cartório assinar o documento diante de um Tabelião pode ser feito virtualmente.

O reconhecimento por semelhança, feito nos Cartórios, onde a assinatura é confrontada com a depositada na ficha de firma armazenada no local permanece sendo feito apenas de forma física. Em 2022, o Colégio Notarial do Brasil planeja lançar uma nova modalidade, o reconhecimento de assinatura eletrônica.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana