conecte-se conosco

Mundo

Deu ruim: jovem é morto por crocodilo ao entrar em rio para “ritual de proteção e saúde”

Publicado

 

 

Crocodilo

Caso aconteceu dentro de reserva para tigres em um estado indiano. Pixabay

Um jovem de apenas 18 anos morreu no início desta semana após entrar em um rio no estado de Uttar Pradesh, na Índia e acabar sendo devorado por um crocodilo enquanto realizava um “ritual de proteção e boa saúde”.

Segundo informações do jornal indiano Telangana Today, Rinkesh Kumar entrou em um trecho do rio Suheli que fica localizado dentro da Reserva de Tigres Dudhwa após sugestão de um líder espiritual da região, que o teria aconselhado a se banhar nas águas infestadas de crocodilos para ter boa saúde a afastar o mal.

Porém, o banho acabou se transformando em tragédia quando o animal arrastou o corpo do jovem para debaixo d’água e o matou. De acordo com funcionários da reserva, o corpo de Kumar foi encontrado cerca de dois quilômetros de onde ele foi visto pela última vez, com grandes marcas no pescoço e nos ombros.

“Sempre avisamos os moradores da região sobre a presença de crocodilos no rio, mas eles continuam dispensando nossos conselhos e entrando no local para tomar banhos e realizar rituais”, lamentou Sanjay Pathak, porta-voz e diretor da Reserva de Tigres Dudhwa.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
publicidade

Mundo

Mais de 10 mil pessoas protestam em Berlim contra isolamento

Publicado

 

 

print manifestacao

Protesto Alemanha contra medidas de combate ao Covid-19 reúne 10 mil pessoas. Foto: Reprodução YouTube Berlin Live/Samuel Eckert

Mais de 10 mil pessoas protestam em Berlim contra medidas de isolamento social. Sem distância de proteção nem máscaras, a manifestação ocorre neste sábado (1) convocada pela extrema direita neonazista. O protesto na capital alemã acontece em meio a uma escalada de contaminações por Covid-19 no país.

Desde esta manhã ocorre o protesto contra as medidas de proteção de combate a Covid-19. O número de manifestantes foi dado por um porta-voz da polícia alemã  no início da marcha de protesto. Esse número era esperado apenas no fim do protesto, segundo informações da imprensa alemã.

O ministro da Economia alemão, Peter Altmaier, pediu recentemente sanções mais duras contra violações às regras de isolamento social e pediu ações firmes em casos de “má conduta irresponsável”.

O slogan da manifestação é “O fim da pandemia, dia da liberdade”. A frase é uma referência ao filme homônimo “Dia da Liberdade”, produto de propaganda da cineasta nazista Leni Riefenstahl sobre o congresso do do partido de Hitler em 1935.

Milhares de alemães ligados à extrema direita expressam sua insatisfação com as medidas de proteção contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2) com apitos. Eles pedem “liberdade” e “resistência”. “A maior teoria da conspiração é a pandemia da Corona” também foi um mote ouvido no protesto segundo a imprensa alemã.

Neonazismo

Foi o grupo neonazista “Querdenken 711” que convocou a manifestação para este sábado. De acordo com o senador alemão Andreas Geisel, várias organizações neonazistas também solicitaram participação.

A teórica da conspiração, Attila Hildmann, também havia convocado a manifestação para este sábado, mas foi proibida com antecedência, por acusação de sedição. Foi a segunda proibição consecutiva de uma manifestação de Hildmann na Alemanha.

O protesto usa diferentes bandeiras: símbolos proibidos pela Constituição alemã como a “Reichskriegsflagge”, bandeira do Exército nazista usada durante a Segunda Guerra Mundial, com a famosa cruz do “Reich”, idealizada por Hitler.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana