conecte-se conosco


Grande Vitória

Divórcio pode ser feito por Whatsapp na Serra

Publicados

em

Um processo de divórcio pode ser muito desgastante. Além do luto vivido por quem está deixando uma vida em comum, a situação pode se tornar ainda mais complicada se os envolvidos não tiverem a devida orientação jurídica para resolver a questão de forma rápida e prática.

No município de Serra, os processos relacionados à vara da família, como divórcio consensual, pensão alimentícia e guarda de filhos, entre outros temas, podem ser feitos por WhatsApp. O serviço é ofertado pela Casa do Cidadão.

Esse foi o caso do funcionário público, Francisco Lima, que fez todo o processo de divórcio consensual on-line.

“Entrei em contato e fui atendido rapidamente. Enviamos os documentos pelo WhatsApp. Tudo foi feito de forma remota e foi bem rápido. Fiquei muito satisfeito’, pontuou Lima

A secretária de Direitos Humanos da Serra, Gracimeri Gaviorno, ponderou que o acesso à assistência judiciária municipal gratuita é um serviço essencial para cuidar dos cidadãos e cidadãs serranos que mais estão precisando neste momento.

O cidadão também pode fazer o agendamento para o atendimento presencial, no site da Prefeitura ou pelo telefone 3252-7231, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, ou no e-mail [email protected].

Para ter acesso a essa assistência jurídica, o solicitante deve ser morador da Serra, ter renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300) e patrimônio até 180 salários mínimos.

Atendimento remoto Casa do Cidadão:

Contatos:

Celular/ WhatsApp: 98862-6841 / 99795-7445 / 99864-0434 / 997506064

-Serviços:

•             Divórcio Direto;

•             Conversão de Separação em Divórcio;

•             Pensão Alimentícia, Oferta de Alimentos;

•             Execução de alimentos;

•             Guarda;

•             Adoção;

•             Investigação e Negatória de Paternidade;

•             Retificação de Registro Civil;

•             Tutela;

•             Curatela;

•             Reconhecimento e Dissolução de União Estável;

•             Regulamentação de Visita;

•             Regulamentação de Guarda e outros.

Comentários Facebook
Propaganda

Grande Vitória

Cariacica: parte da garagem do Condomínio Mochuara pode ser liberada nesta quarta-feira (12)

Publicados

em

Por

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES) Eng. Jorge Silva disse na tarde desta terça-feira (11) que, após vistoria realizada no conjunto de garagens do Condomínio Mochuara e reunião realizada com representantes da Defesa Civil de Cariacica e Corpo de Bombeiros, pode ser possível que parte da estrutura seja liberada a partir desta quarta-feira (12).

“Realizaremos nova vistoria nesta quarta-feira (12), às 16 horas. Será um trabalho integrado com a Defesa Civil Municipal, Defesa Civil Estadual e Corpo de Bombeiros. Dependendo do resultado e das constatações, pode haver uma possibilidade de liberação de, pelo menos, uma parte da garagem. Isso irá viabilizar a entrada de pelo menos 50 veículos no local. Hoje a mobilidade urbana na região está bem comprometida “, disse o Eng. Jorge Silva.

O presidente do Crea-ES também informou que dará início a elaboração de um Termo de Cooperação Técnica para que o Conselho, a Defesa Civil do Município, a Defesa Civil Estadual e o Corpo de Bombeiros estabeleçam ações em conjunto para agirem em sintonia em casos como esses, que podem gerar riscos para a população.

Na vistoria realizada na manhã desta terça, além das fissuras, rachaduras, trincas e infiltrações já identificadas, a equipe de engenheiros do Conselho observou  a existência de novas anomalias como, por exemplo, colunas com recalques. A recomendação feita ao condomínio foi para realizar uma revisão geral da estrutura e contratar profissionais e/ou empresas legalmente habilitados para elaborar um laudo técnico de engenharia conclusivo. O Crea-ES já solicitou para análise os projetos das empresas que executaram a obra e os documentos das empresas que realizaram a reforma estrutural em 2016 e 2017.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana