conecte-se conosco


Cidades

Em evento on-line, BRK aborda avanços e desafios na educação ambiental em Cachoeiro de Itapemirim

Publicados

em

A BRK Ambiental de Cachoeiro de Itapemirim integrará a programação do “CULTURA E TERRITÓRIO: Água como elemento integrador”, evento on-line em comemoração aos 15 anos do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Itapemirim (CBH Rio Itapemirim), que será realizado até quarta-feira (21), pelo canal do YouTube e pelo Instagram (@cbh_rioitapemirim) do Comitê.

A concessionária de água e esgoto fará parte da roda de conversa “Educação Ambiental no Rural e Urbano”, nesta quarta-feira, 21, às 19h,  com a apresentação da responsável pelos programas de Educação Ambiental da BRK em Cachoeiro de Itapemirim, Micheline Bernabé. O bate-papo contará também com as participações do produtor rural e presidente do Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim, Wesley Mendes, e da presidente da CBH Rio Itapemirim e mestre em Clima e Meio Ambiente, Carina Silva.

Micheline destaca que abordará especialmente o conceito, os desafios e os avanços conquistados na educação ambiental na área urbana. Ela ressalta que o compromisso e o cuidado com os recursos hídricos e o meio ambiente em geral evoluíram bastante ao longo dos anos com a educação formal e a informal. O caminho, no entanto, deve ser contínuo.

“Hoje, notamos as pessoas mais conscientes do seu papel e corresponsabilidade nas questões que envolvem o meio ambiente e os recursos naturais. Está cada vez mais rotineiro, e no dia a dia do cidadão, atitudes simples, mas de grande impacto para o meio ambiente, como a separação do lixo reciclável, reaproveitamento de água, reaproveitamento de talos de alimentos, entre outras. A população está mais participativa, tem mais entendimento sobre o conceito de educação ambiental e da necessidade de preservar o ambiente em que vive. Vemos uma mudança que ainda está em curso, com muitos avanços e também alguns desafios”, afirma a responsável pelos programas de Educação Ambiental da BRK em Cachoeiro de Itapemirim.

O CBH Rio Itapemirim foi instituído em julho de 2006, por meio do Decreto nº 1703-R/2006, como órgão integrante do Sistema Integrado de Gerenciamento e Monitoramento dos Recursos Hídricos do Estado do Espírito Santo (SIGERH/ES), sendo composto por representantes do poder público executivo, da sociedade civil organizada e por usuários de recursos hídricos. Desde então a BRK integra o Comitê pelo setor de usuários.

Na cidade, a concessionária também desenvolve o Programa Cuidar Mais, com ações de sensibilização junto às instituições de ensino e às comunidades de Cachoeiro de Itapemirim, reforçando o senso de pertencimento de crianças, jovens e adultos ao meio ambiente. O projeto inclui conteúdo educacional e debates de temas como a importância da água, reciclagem e reaproveitamento, ciclo da água, vilões do esgoto, entre outros.

Dentre as atribuições do CBH Rio Itapemirim estão a de acompanhar o plano de proteção, conservação, recuperação e utilização dos Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio Itapemirim, além de promover estudos, divulgação e debates sobre os programas prioritários de serviços e obras a serem realizados no interesse da coletividade.

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Torneio do game League of Legends segue neste domingo (25) em Cachoeiro

Publicados

em

Por

Neste domingo (25), tem mais Taça Cachoeiro de League of Legends (TCLOL), jogo virtual de estratégia consagrado em todo o mundo. Será o segundo dia de disputas da fase de grupos dessa que é a primeira competição de esporte eletrônico (eSport) do município.

As batalhas, que começam às 13h, são on-line, com cada jogador em sua própria casa. Luiz Antonio Picoli, de 22 anos, do time Harém do Lang, tem boas expectativas.

“Espero o cronograma bem feito do primeiro dia para fechar mais uma semana com vitória e representar Cachoeiro. Ver minha cidade com um projeto que fomenta o eSport é muito bom, temos que valorizar. A transmissão está sendo boa e os jogos mantiveram um tempo bom no torneio”, afirma.

O torneio é promovido pela Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Qualidade de Vida (Semesp) e tem transmissão on-line em tempo real. Na estreia, no último domingo (18), mais de 1,5 mil pessoas assistiram.

“Gostei bastante da estreia, tem muita gente legal jogando. Para o segundo dia, espero que minha equipe tenha um desempenho melhor. Bom demais um torneio para movimentar a comunidade que gosta de eSports. A iniciativa foi um grande passo”, afirma Ryan Brambilla, de 24 anos, jogador da equipe Impostores.

As equipes vencedoras do primeiro dia foram Black Mamba, Feed Blinders, Impact e-sports, Inquisition e-sports, Harem do Lang e Oh My God.

A fase de grupos termina no dia 1 de agosto. A semifinal está marcada para o dia 8 de agosto e a final será decidida no dia 15 do mesmo mês.

São 12 equipes inscritas, dividas em três grupos. Há participantes de outras cidades da região, mas os capitães das equipes precisam ser moradores de Cachoeiro.

Os jogadores que conquistarem o 1º e o 2º lugares no campeonato e o melhor jogador, escolhido pelos narradores do torneio, ganharão troféus.

Para assistir à competição em tempo real, basta acessar o site twitch.com/semespcachoeiro, a partir das 13h. Em média, são seis jogos por dia.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana