conecte-se conosco


Grande Vitória

Escola em Tempo Integral promove ‘Café Literário’

Publicados

em

 

O Centro Estadual de Ensino Fundamental e Médio em Tempo Integral (CEEFMTI) Assisolina Assis Andrade, localizado em Vila Velha, promoveu, nessa quarta-feira (04), mais um “Café Filosófico”, que contou com a participação do secretário de Estado da Educação, Vitor de Angelo.

Na oportunidade, o secretário falou sobre os desafios da Educação e os prazeres em poder transformar vidas para melhor. “Tenho um prazer enorme de estar em uma posição, cuja função é tomar decisões que vão transformar pessoas e gerar impactos positivos. Temos uma grande responsabilidade ética para fazer coisas boas e da melhor forma que pode ser feita”, pontuou Vitor de Angelo.

O “Café Filosófico” é uma ação que busca promover rodas de conversa com profissionais de diferentes áreas, para conduzir o estudante à compreensão da importância da educação para a estruturação, construção e realização do Projeto de Vida. Trata-se de uma iniciativa que visa a promover a proximidade com os estudantes, o exercício da pedagogia da presença e a busca por acompanhar e incentivar os jovens a exercer o protagonismo, demonstrando que ele é capaz de sonhar, projetar e realizar sonhos.

Em cada evento, o “Café Filosófico” convida um profissional de uma determinada área para um bate-papo com os estudantes, com o objetivo de socializar o que se estuda para se formar numa determinada área, ou seja, como é o curso (estudos, graduação e faculdade); quais as possibilidades de atuação numa profissão; e como é o dia a dia desse profissional. “Eis uma oportunidade para os adolescentes e jovens conhecerem um pouco mais sobre as futuras profissões pretendidas e sonhadas, do ponto de vista do próprio profissional”, destacou a diretora Ivanna Silva Carneiro da Frota.

Comentários Facebook
Propaganda

Grande Vitória

Vitória ganhará parque que vai reunir lazer, arte e convivência

Publicados

em

Por

Um espaço que une o verde da paisagem, a cultura e o azul do mar. O Parque Cultural Reserva de Vitória, que será construído na Enseada do Suá, entre a praia e o Shopping Vitória, será mais uma opção de área pública para a cidade, que completou 470 anos no último dia oito. O prefeito Lorenzo Pazolini e a vice-prefeita, Capitã Estéfane, estiveram no lançamento do Parque, na manhã desta quarta-feira (22).

Também participaram do lançamento os secretários municipais de Desenvolvimento da Cidade e Habitação, Marcelo de Oliveira, de Meio Ambiente, Tarcísio Foeger, de Obras, Gustavo Perin, de Fazenda, Aridelmo Teixeira, de Saúde, Thais Cohen, de Gestão e Planejamento, Régis Mattos Teixeira, além de autoridades e vereadores.

O Parque será totalmente construído pela iniciativa privada, sem nenhum recurso público, dentro da área de um loteamento que se encontra em fase de execução. O local é fruto de uma parceria da Prefeitura de Vitória, por meio das secretarias municipais de Desenvolvimento da Cidade e Habitação (Sedec) e Meio Ambiente (Semmam), e a Nova Cidade Empreendimentos.

O prefeito Lorenzo Pazolini lembrou que o lançamento do Parque acontece no mês de aniversário do município. “É um momento único para nós. Estamos quebrando barreiras, rompendo paradigmas em Vitória e no Espírito Santo. Fica claro, a partir de hoje, que é possível conciliar, sim, a preservação do meio ambiente com geração de emprego e renda. É possível ter um diálogo republicano, honesto, com regras claras, respeitando as diretrizes e leis ambientais. Conseguimos retomar o diálogo com o setor produtivo e a sociedade civil organizada”, disse.

O prefeito lembrou que só na construção serão gerados cerca de 200 postos de trabalho e que o Parque será integrado às intervenções de reurbanização da Curva da Jurema, que serão executadas pela PMV. “Esse é o papel do Poder Público: dialogar, ouvir e construir coletivamente. Para nós, é um orgulho estarmos nesse momento. Vitória, hoje, está aberta a quem ama à cidade, a quem quer investir nela”, completou.

O presidente do Grupo Buaiz, Americo Buaiz Filho, lembrou que o parque vai atender crianças, jovens e famílias inteiras. “Eu tenho certeza que o Parque Cultural Reserva de Vitória será um ícone do turismo de Vitória e do Espírito Santo. Ainda antes do natal, Vitória, que completou 470 anos, vai receber um presente, um espaço público e democrático”, afirmou.

“A proposta é que a área destinada ao uso público no projeto original, de 2004, priorizasse os pedestres em detrimento dos veículos motores, seguindo as tendências do urbanismo contemporâneo. O esforço da Prefeitura foi no sentido de se criar na cidade mais uma opção de área de convivência que atendesse a toda população, abrangendo lazer, cultura e contemplação do meio ambiente”, disse o secretário de Desenvolvimento da Cidade e Habitação, Marcelo de Oliveira.

O secretário de Meio Ambiente de Vitória, Tarcísio Foeger, lembrou que o espaço será aberto à toda população. “A ideia é oferecer à população de Vitória um novo espaço, com um conceito importante que une urbanidade, meio ambiente, cultura e lazer. O espaço será totalmente aberto ao público, todo mundo poderá vir e contemplar. Vitória ganha muito com a entrega desse novo Parque, uma parceira da PMV com o Grupo Buaiz”, disse.

Parque Cultural Reserva de Vitória

A área, de 16 mil m², será urbanizada e receberá iluminação, paisagismo, mobiliário, ruas de pedestres e obras de arte, como em uma galeria a céu aberto. Duas das vias que antes seriam usadas por veículos foram destinadas ao uso dos pedestres, que terão um parque público, com iluminação, paisagismo, mobiliário e ruas de pedestres.

O Parque terá, ainda, árvores, brinquedos e equipamentos de ginástica. Nesta quarta-feira (22), foi inaugurada a primeira das sete obras do local, uma escultura do artista Sandro Novaes.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana