conecte-se conosco

Mulher

“Eu fiz o parto do meu bebê”, relata mãe que deu à luz no chão do quarto

Publicado

source

A chegada da segunda filha de Serena Nicholls foi uma experiência e tanto. Isso porque a mãe começou a sentir contrações quando foi buscar a filha, Hailie, de três anos, na escola, mas não achou que estivesse em trabalho de parto. Uma hora depois, em casa, ela deu à luz Callie — mais especificamente no chão de seu quarto, enquanto o pai das crianças, Mike Rolls, recebia instruções dos paramédicos por telefone.

Leia também: Mãe faz o próprio parto em casa e babá eletrônica grava tudo

Serena Nicholls, Mike Rolls e as filhas, Hailie e Callie arrow-options
Reprodução/Facebook

Ao sentir as contrações, Serena percebeu que estava em trabalho de parto, mas não daria tempo para os médicos chegarem

“Mike estava no telefone com os paramédicos e Kerrylee [irmã de Mike e cunhada de Serena] também estava lá, pegando toalhas e me ajudando a deitar no chão do quarto.  Enquanto Mike estava falando com o operador de emergência eu percebi que podia sentir a cabeça de Callie. Então senti a onda de adrenalina e uma urgência para empurrar”, diz a mãe ao Metro UK .

“Com um empurrão, a cabeça dela saiu e com outro, seu corpo. Então eu me estiquei, a peguei e a segurei nos meus braços. Quando lembro da cena, penso que eu fiz o parto do meu próprio bebê  , me sinto muito orgulhosa de mim mesma.”

Leia mais:  Horóscopo do dia: previsões para 14 de janeiro de 2020

“Foi um momento empoderador e o melhor de tudo é que Hailie conheceu a irmã logo depois do parto. Ela estava no cômodo ao lado e, assim que ouviu o choro, entrou para vê-la. Foi uma cena que aqueceu meu coração”, completa.

Leia também: Mãe transmite parto natural e na água ao vivo no YouTube

Mãe já queria ter parto em casa

Os planos da família, que vive em Berkshire, Inglaterra, para o nascimento de Callie já incluiam o parto em casa, ainda mais porque Hailie também nasceu dessa forma. Segundo Serena, o que tornou essa vez diferente foi que ela sabia o que esperar. 

No primeiro parto, a mãe de Serena, Madalyn, foi quem a ajudou. “Hailie nasceu 20 minutos após a minha bolsa estourar. Os paramédicos chegaram cerca de 10 minutos depois, correndo com um tubo de ar e me viram sentada com o bebê”, lembra. Na segunda gravidez, ela recebeu o acompanhamento de uma obstetriz, mas não esperava dar à luz naquele dia. 

“Minha obstetriz até brincou comigo para não ter o bebê nesse dia, porque ela não estaria de plantão.  Era o aniversário do Mike também, então a família dele chegaria mais tarde para a festa e eu precisava buscar Hailie na escola. No caminho comecei a sentir as contrações.”

Leia mais:  Listamos 8 produtos para cuidar bem da sua pele

Leia também: Mãe conta como foi ter o filho sozinha no banheiro de casa

Assim que chegou em casa, Serena contou o intervalo de tempo entre uma contração e outra e ligou para o hospital, pedindo auxílio de uma obstetriz. “Eles falaram que a profissional chegaria em 30 minutos, mas eu sabia que o bebê nasceria antes disso. Mike e a irmã dele foram incríveis e me ajudaram em todos os momentos. Quando Hailie a viu foi um momento incrível. Ela disse ‘É um bebê’, foi muito fofo”, finaliza a mãe

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

A cor do ano na arquitetura já foi escolhida: classic blue

Publicado

source

No final do ano passado, a empresa americana Pantone apresentou a cor do ano de 2020 – o azul clássico (Classic Blue – referência 19-4052). Segundo a diretora executiva Leatrice Eiseman, a cor sólida e confiável é um porto seguro onde ancorar e um incentivo a olhar além do óbvio e expandir nossos pensamentos.


Unanimidade em todos os ambientes da casa, a cor é agradável, relaxante e confortável aos olhos. Sua versatilidade permite combinações diversas desde uma aplicação em grandes superfícies até pequenos objetos.


Gostou da cor e não quer errar na decoração? Então convido você leitor da coluna Dentro de Casa a permanecer conosco em 2020 e trazemos sete dicas para arrasar no look da sua casa.

1.       Sabe aquela sensação de chegar na casa da avó “somente” pelo fato de que a porta é colorida? Excelente ideia para ousar logo “de cara”. 

2.       Sofá azul: apostar em uma peça ousada e visualmente relaxante garante personalidade ao espaço. Para uma boa harmonia, combine o espaço com almofadas e peças de decoração com cores branco ou off-white.

Leia mais:  "Meu marido fazia sexo com outra enquanto estava dando à luz nosso filho"

 3.       Se a meta é criar contrastes divertidos, que tal combinar com tons complementares como o terracota, amarelo e laranjas (link para a reportagem sobre a roda das cores) ? A roda das cores pode te ajudar. 

4.       Tranquilidade? Essa é a cor certa. Concentração? Também. Use, abuse ou não, em espaços destinados ao trabalho ou nos quartos. Incorpore a cor por meio de objetos como roupa de cama e quadros, por exemplo. 

5.       Revestimentos: facilmente encontramos em lojas de construção os acabamentos no tom azul. Por sua associação à limpeza e à água, é uma ótima escolha (e sem erro) para utilizar nos banheiros ou na cozinha. 

6.       Uma mistura de azul com branco lembra o mar e o ar puro. Adicionando toques de vermelho, é ideal para uma decoração de casa na praia. 

7.       Ambientes monocromáticos: uma única cor como protagonista do ambiente e nada melhor que uma cor universal como o azul.

Dicas da Helô: a cor azul traz a sensação de grandeza, de fazer parecer maior, assim como o oceano. Esse conceito é válido em ambientes com luz natural trazendo personalidade. Uma estratégia interessante para que o espaço pareça mais alto é pintar o teto de azul e uma única parede, deixando as demais brancas.

Leia mais:  Lábios do diabo é a tendência que está causando polêmica nas redes

Leia mais:

Você sabe dizer se está na hora ou não de reformar sua casa?


Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana