conecte-se conosco


Cidades

Fórum de Debate sobre o acesso ao tratamento de Câncer movimenta Cachoeiro e região

Acontece nesta quarta-feira (13) o Fórum de Debate sobre o Acesso ao Tratamento ao Câncer, que será realizado no Teatro Municipal de Guaçuí, a partir das 8h. Promovido pelo Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim (HECI) em parceria com o Grupo de Apoio aos Portadores de Câncer de Cachoeiro de Itapemirim (GAPCCI), o evento se […]

Publicados

em

Acontece nesta quarta-feira (13) o Fórum de Debate sobre o Acesso ao Tratamento ao Câncer, que será realizado no Teatro Municipal de Guaçuí, a partir das 8h. Promovido pelo Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim (HECI) em parceria com o Grupo de Apoio aos Portadores de Câncer de Cachoeiro de Itapemirim (GAPCCI), o evento se propõe a discutir, orientar e trabalhar soluções para que as leis sejam aplicadas e os pacientes cheguem mais precocemente ao diagnósticos e por consequência ao tratamento, aumentando as chances de cura. “Temos nos empenhado em estar junto aos pacientes e seus familiares no sentido de trabalhar soluções para que eles tenham acesso ao diagnóstico mais rápido, mas infelizmente existe um retardo no encaminhamento desses pacientes até o serviço de tratamento”, comenta a médica oncologista Sabina Aleixo.

Além de Guaçuí, o Fórum acontece em outros dois momentos. No dia 27 de março, no Teatro Municipal de Castelo e no dia 17de abril, no auditório do Hotel Bristol em Cachoeiro. “A proposta é fazer um evento baseado na experiência que tivemos no ano passado e fazer fora do polo então escolhemos Castelo e Caparaó porque tem um grande número de pessoas que vêm para fazer tratamento no Hospital e ficam hospedados na Casa de Apoio”, disse Sabina, explicando que em 2018, o HECI e o GAPCCI promoveram a I Jornada de Acesso ao Tratamento de Câncer, um debate sobre as leis e todas as nuances em torno do que pode ou não ser feito para se ter um diagnóstico mais cedo e um tratamento de qualidade e com grandes chances de cura.

Nas edições de Guaçuí e Castelo acontecerão duas mesas para debater o Registro Compulsório do Câncer como ferramenta de dados e quais as perspectivas com a nova Lei, que será mediado pelo médico oncologista José Zago Pulido, e a Influência da Legislação para o Acesso ao Tratamento Ágil e Adequado – Lei dos 60 dias 3 PL dos 30 dias, que será mediada pelo administrador do HECI Darcy Viquetti Fassarela. E em Cachoeiro, o 1º Painel tratará sobre o Papel das Leis e sua Influência no Cenário do Câncer no Brasil. Nesta data o evento contará com a presença da presidente da ONG Lado a Lado, Marlene Oliveira, que falará sobre A Importância das Associações de Pacientes no Combate ao Câncer.

As inscrições gratuitamente podem ser feitas pelo site http://casadeapoiocancer.org.br/

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Iema anuncia ações de melhoria para o Parque Estadual de Itaúnas

Publicados

em

O Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) anunciou, nesta quinta-feira (30), ações de melhoria para o Parque Estadual de Itaúnas (PEI), em Conceição da Barra. Na ocasião, foi assinado o acordo de gestão sustentável da pesca no rio Itaúnas com os pescadores da região. Além disso, foi feita a entrega da nota técnica e foram anunciados a revisão do plano de manejo e o programa de Educação Ambiental e Comunicação Social do PEI.

“Hoje estamos dando passos importantes na gestão do parque e na melhoria da relação com a comunidade de forma organizada e sustentável. São ações que precisam da participação e contribuição de todos, seja do poder público, seja da comunidade, e que promovem o uso ativos do parque por essa geração, sem comprometer o uso das gerações futuras. Esse é o nosso papel, como Governo do Estado, como Unidade de Conservação e como sociedade”, ressaltou o diretor-presidente do Iema, Alaimar Fiuza.

O acordo de gestão sustentável da pesca no rio Itaúnas regulariza a atividade na região e melhora a gestão, a fiscalização e garante a sustentabilidade do parque. “Todo o processo foi construído de forma participativa com a realização de oficinas envolvendo os pescadores e a Polícia Militar Ambiental. A ação vai beneficiar cerca de 100 pescadores de Conceição da Barra”, explicou a gestora do PEI, Juliana Coura.

“Estou muito agradecida, porque amo pescar e pesco desde criança. Esse acordo é um sonho realizado, para podermos pescar tranquilos, respeitando e preservando o rio”, disse a pescadora Petrolina dos Santos. O pescador Romildo Lopes também agradeceu pelo acordo. “Só tenho a agradecer por esta conquista. E que a gente, pescadores e comunidade, também atue na fiscalização, para cobrar e agir no cuidado do rio”, completou.

Já a nota técnica Vila de Itaúnas: Qualificação Urbana frente às melhorias de seu acesso viário, produzida pelo Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), como condicionante do Departamento de Edificações e Rodovias do Estado do Espírito Santo (DER/ES), no licenciamento da obra de asfaltamento da rodovia que liga a sede do município ao distrito de Itaúnas, foi entregue à Prefeitura de Conceição da Barra.

O objetivo desse trabalho é dar subsídios ao poder público municipal na elaboração da revisão do Plano de Ordenamento da Vila de Itaúnas, medida essa que irá possibilitar uma melhor gestão do Parque em seus limites com a área urbano do distrito.

Foi anunciado ainda a revisão do Plano de Manejo do Parque de Itaúnas. O documento técnico que estabelece o zoneamento e as normas que norteiam o uso da Unidade de Conservação. “O plano é um instrumento que dá segurança para a equipe do parque e a comunidade para saber o que pode fazer e o que não pode e essa revisão é necessária, pois o atual já está defasado”, destacou o diretor-presidente do Iema, Alaimar Fiuza.

Por último, foi anunciado o programa de Educação Ambiental e Comunicação Social do PEI, que, com o Plano de Manejo, serão realizados como compensação ambiental. “São ações de suma importância e que contribuem para a gestão participativa, transparente e eficiente do parque”, explicou Juliana Coura, a gestora do parque.

Comentários Facebook

Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana