conecte-se conosco

Mundo

Golfinhos sentem ‘saudade’ de humanos durante a quarentena e deixam ‘presentes’ na areia

Publicado

Os golfinhos que frequentam Tin Can Bay, um popular destino turístico na Austrália, estão sentindo “saudade” dos humanos que despareceram da localidade durante a quarentena por causa do coronavírus. Os animais, agora solitários, estão deixando “presentes” na areia para os humanos que costumavam interagir com eles e alimentá-los.

Os “presentes” são, na maioria, esponjas, garrafas plásticas cobertas de cracas e fragmentos de coral, disse um voluntário de projeto ambiental à emissora 7News.

“Nada no comportamento dos golfinhos me surpreende mais”, comentou Barry McGovern, que faz mestrado na Universidade de Queensland. “Eles fazem tudo, usam ferramentas, têm cultura, eles têm algo semelhante a nomes em assinaturas com assovios”, acrescentou o especialista em golfinhos.

Barry fez uma ressalva: Eles provavelmente não sentem falta dos humanos. Eles sentem falta da comida grátis e da rotina.”

Fonte: Extra

Comentários Facebook
publicidade

Mundo

Protesto antirracista reúne milhares de pessoas nas ruas de Londres

Publicado


source
manifestação em londres
Reprodução/BFM TV

Manifestação antirracista reúne milhares de pessoas em Londres

Em Londres , milhares de pessoas vão às ruas para a terceira manifestação antirracista após a morte de George Floyd, nos Estados Unidos . Os manifestantes pedem justiça e reforçam o movimento ” Black Lives Matter ” (vidas negras importam, em português), que mobiliza pessoas em diversos países. O protesto teve início na Praça do Parlamento e segue para a embaixada dos EUA. 

Leia também:

Antes da manifestação começar, os participantes se ajoelharam por um minuto e reforçaram o comando “sem justiça, sem paz”. Os manifestantes já protestaram outras duas vezes na embaixada dos EUA, uma no último final de semana e outra na quarta-feira (3 de junho). Com palavras de ordem, as pessoas pedem justiça a George Floyd e protestam contra a injustiça racial no Reino Unido.

Segundo o My London , o secretário de saúde Matt Hancock diz estar “horrorizado” com a morte de Floyd, mas enfatiza que o país ainda está enfrentando uma crise de saúde e a Covid-19 segue sendo uma “ameaça real”. Por isso, pede às pessoas que não participem do protesto. 

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana