conecte-se conosco


Estado

Governo do Estado anuncia reforma do Centro Integrado Operacional de Defesa Social

Publicados

em

O Governo do Estado autorizou, nesta quinta-feira (30), o início das obras de reforma e ampliação do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes/Sesp). A obra será realizada no segundo pavimento do edifício-sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), localizada no bairro Bento Ferreira, em Vitória. Durante a solenidade, realizada no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Espírito Santo, o governador Renato Casagrande fez a entrega de viaturas à Sesp e de instrumentos musicais à Banda da PMES.

Com investimento de R$ 2,44 milhões, o Ciodes terá sua área ampliada em 475 metros quadrados, totalizando 801 metros quadrados, que vão comportar sala de operações com 32 postos de Despachadores de Recurso Operacional (DRO), central de atendimento de emergência com 42 postos, sala de coordenação, sala do gerente, duas salas de administração, sala do diretor, sala de reunião, shaft, banheiro acessível feminino e masculino, sanitários feminino e masculino, refeitório, sala de descompressão, sala de almoxarifado e depósito.

“É muito bom poder estruturar a Polícia Militar com novas viaturas, armamentos, infraestrutura, tecnologia e valorização de pessoal. Hoje quero agradecer aos nossos operadores de segurança pelos resultados conquistados. Fechamos os seis primeiros meses de 2022 com o melhor resultado da série histórica. Estamos dando passos importantes, como mostrou o Fórum Brasileiro de Segurança Pública que o Espírito Santo – que já foi o segundo estado mais violento do País em 2011 – hoje é o 13º com os dados relativos ao ano passado”, afirmou o governador do Estado, Renato Casagrande.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Márcio Celante, afirmou que os investimentos e entregas traduzem o compromisso da atual gestão com a sociedade. “A reforma e ampliação do Ciodes, a aquisição de viaturas e as demais entregas para a Polícia Militar são fruto de um trabalho sério desenvolvido pela equipe de governo, mas principalmente resultam da governança eficiente do governador Casagrande. Agradecemos por sua atenção à pasta da Segurança Pública”, afirmou.

O diretor do Ciodes, coronel PM Oberacy Emmerich Junior, destacou que este é um ótimo momento para a reforma e ampliação do setor, que atualmente atende a uma média de 10 mil chamados por dia.

“O Ciodes é um condomínio que congrega instituições que prestam socorro à sociedade, reunindo diversas agências em um único local. O que a gente faz é reunir esforços para que o tempo-resposta seja o mais rápido e eficaz possível. Hoje nosso tempo médio de resposta é em torno de 10 minutos. Nosso objetivo é reduzir este tempo para 6 minutos. A reforma e ampliação vão possibilitar isso, pois poderemos reunir outras agências, além das que já estão fisicamente aqui dentro”, detalhou.

Já a Subsecretaria de Estado de Inteligência (SEI/Sesp) recebeu quatro novas viaturas, modelo Renault Duster, no valor total de R$ 391 mil, adquiridas com recursos do Tesouro Estadual. Já a Polícia Militar do Espírito Santo (PMES) recebeu diversos instrumentos musicais, entre eles 13 clarinetes, seis trompas, três euphoniums, duas tubas, além de 12 bocais e 44 acessórios, com investimento total de R$ 800 mil.

Todos os instrumentos serão encaminhados à Banda da PMES com o objetivo de melhorar ainda mais a prestação do policiamento de prevenção primária e de proximidade. Possibilitando ainda um melhor desempenho na integração entre a polícia e a comunidade capixaba.

O comandante-geral da PMES, coronel Douglas Caus, reforçou a importância das entregas para a prestação de serviços à sociedade. “Temos vivido um momento de renovação na Polícia Militar proporcionada pelo governador. Tivemos o investimento de mais de R$ 20 milhões para a recuperação de diversas unidades policiais em todo o Espírito Santo. Fora isso, tínhamos um problema crônico com relação às viaturas da corporação, que tinha uma frota antiga e onerosa. Hoje temos 1.375 viaturas novas entregues. Aqui temos uma pequena parte, somando a outras entregas. Com isso, teremos praticamente 100% da frota renovada”, declarou.

Também estiveram presentes os secretários de Estado, Álvaro Duboc (Governo), que coordena o Programa Estado Presente em Defesa da Vida, e Coronel Aguiar (Casa Militar), além da senadora Rose de Freitas.

Comentários Facebook

Estado

Recursos da Lei Paulo Gustavo para setor cultural capixaba serão discutidos em Vitória nesta terça (16)

Publicados

em

Por

Evento acontece nesta terça-feira (16), na Casa da Música Sônia Cabral, no Centro de Vitória, a partir das 18h30. Estão previstos cerca de R$ 40 milhões de repasse ao Estado e R$ 35 milhões para os 78 municípios.

A Lei Paulo Gustavo vai destinar R$ 75 milhões ao fomento do setor cultural capixaba. Para apresentar e debater os impactos, benefícios e oportunidades dos recursos no Estado, a equipe da Secretaria da Cultura (Secult) realiza um encontro aberto ao público, que acontece nesta terça-feira (16), às 18h30, na Casa da Música Sônia Cabral, localizada no Centro de Vitória.

Estão previstos cerca de R$ 40 milhões de repasse ao Estado e R$ 35 milhões para os 78 municípios. Esta divisão decorre de um mecanismo que calcula a população de cada local perante ao fundo de participação dos estados e municípios. Deste valor, aproximadamente 75% serão direcionados ao setor audiovisual e 25% para os demais segmentos da arte e cultura.

“Além da  presença dos empreendedores e fazedores de cultura em geral,  será importante que entidades de todo o Estado conheçam sobre a mobilização em torno da Lei”, afirmou o secretário de Estado da Cultura e presidente do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura, Fabrício Noronha.

Lei Paulo Gustavo

Com o objetivo de auxiliar o setor cultural prejudicado pela pandemia da Covid-19, o  Projeto de Lei Paulo Gustavo (PLP 73/21) foi apresentado como recurso de ação emergencial no mês de novembro de 2021 no Senado e em julho deste ano foi promulgada como Lei Complementar 195/22. O nome da Lei homenageia o ator Paulo Gustavo, que faleceu em maio de 2021, devido à Covid-19.

O recurso total de R$ 3,86 bilhões é proveniente do superávit financeiro do FNC (Fundo Nacional de Cultura), e do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), recursos financeiros estes que não seriam utilizados no cronograma de pagamento dentro do exercício fiscal e que poderiam ser empregados como fonte de recurso adicional a ser operado diretamente pelos estados e municípios.

Serviço:

Encontrão Capixaba – Lei Paulo Gustavo e seu impacto no ES

Data: 16/08 (terça-feira)

Horário: 18h30

Local: Casa da Música Sônia Cabral, Centro de Vitória.

Aberto ao público.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana