conecte-se conosco


Estado

Governo inicia obras do Viaduto do Complexo Viário de Carapina

Publicados

em

O governador do Estado, Renato Casagrande, anunciou, neste domingo (26), o início das obras de construção do Viaduto do Complexo Viário de Carapina, na Rodovia das Paneleiras. Na ocasião, foi realizada a entrega da primeira etapa da obra, que contempla o trecho que vai da Avenida Fernando Ferrari até o final da área do Aeroporto de Vitória. As obras do novo trevo de Carapina são prioritárias do Governo do Estado na área da Mobilidade, com investimento de R$ 76 milhões.

Entre as intervenções previstas, o trecho da ES-020 (antiga Reta do Aeroporto) passará a contar com três faixas por sentido, desde o viaduto de acesso à rodovia do contorno até a Avenida Fernando Ferrari, além das vias marginais. O viaduto que começa a ser construído terá duas faixas por sentido, além de ciclovia em um dos sentidos e calçada no sentido oposto e vai eliminar a necessidade de conversão atualmente existente para acessos aos bairros Jardim Carapina e Eurico Salles, na Serra.

“Esse é um investimento que vai ajudar muito na fluidez do trânsito e também vai embelezar a cidade. A ciclovia vai dar segurança aos ciclistas – muitos deles que usam a bicicleta para ir trabalhar em Vitória. Aliás, toda rodovia que é feita pelo Governo do Estado tem ciclovia ou faixa multiuso. Logo que cheguei ao governo resolvemos o problema da Avenida Leitão da Silva e fizemos o Portal do Príncipe, que embelezou a entrada de Vitória para quem vem de Cariacica e Vila Velha pela Segunda Ponte”, afirmou o governador.

Casagrande destacou outras importantes obras na área de mobilidade. “Estamos fazendo o Contorno de Jacaraípe, depois faremos um contorno em Nova Almeida que vai chegar lá no Piraqueaçu [em Ibiraçu], ajudando a desenvolver toda aquela região. Estamos fazendo também a ampliação da Terceira Ponte e a construção da Ciclovia da Vida, que devem ser entregues até março do próximo ano. Em Vila Velha, a Rodovia ES-388 está praticamente pronta e vai ligar a Região V até Amarelos, em Guarapari. É um conjunto gigantesco de obras de infraestrutura para a Região Metropolitana, uma verdadeira revolução na mobilidade que este Estado nunca viu.”

O prefeito da Serra, Sérgio Vidigal, enfatizou a importância das obras. “Tem uma palavra que aprendi e que adoro expressar: gratidão. Gratidão à Deus e mais uma vez ao governador Renato Casagrande pelo respeito, carinho, sensibilidade e o compromisso que têm com a coisa pública e com a Serra. Essa obra não é para ser comemorada apenas pelos serranos, mas por todos da Região Metropolitana, principalmente pela Serra e Vitória que estão sendo impactadas diretamente, pois são cidades coirmãs”, disse.

“Temos um governador municipalista que, além de atender ao prefeito, atende ao movimento popular. Uma obra extremamente importante para quem está se deslocando, na maioria das vezes, para o trabalho. Quero lembrar também que temos as obras na Avenida Abido Saadi e o Binário de Jardim Limoeiro, que são obras do Governo do Estado e ajudam a população da Serra. Fora os outros convênios que temos e queria destacar os da educação, pois pra mim são as mais importantes para diminuir a desigualdade. São 76 escolas construídas, reformadas e ampliadas na Serra. Na saúde temos o Hospital Dr. Jayme dos Santos Neves, que é uma referência no País, além do Dório Silva que estava fadado a ser fechado e está em pleno funcionamento e sendo ampliado”, completou o prefeito serrano.

Também estiveram presentes a vice-governadora do Estado, Jacqueline Moraes; os deputados estaduais Bruno Lamas, Alexandre Xambinho e Janete de Sá; além de secretários de Estado, dirigentes de autarquias, vereadores e lideranças da região.

Obras

A primeira fase da das intervenções já está concluída. No trecho de Vitória da Rodovia das Paneleiras foram executados os serviços de implantação de três faixas por sentido, calçada e ciclovia no sentido Vitória e calçada no sentido Serra, além de drenagem, paisagismo e iluminação.

Já a segunda fase da obra, corresponde ao trecho da Serra até o viaduto de acesso à Rodovia do Contorno, as obras já estão em andamento e serão implantadas quatro faixas de rolamento por sentido, além de uma faixa multiuso (também por sentido), que será utilizada para acesso às edificações e como baias de ônibus. Além disso, será implantada uma área de convivência e lazer, com 10 metros de largura no canteiro central. Parte deste trecho também já está concluída, com calçadas, recuperação do pavimento, nova drenagem e pavimentação.

Finalmente, a terceira e última etapa corresponde à construção do viaduto para os novos acessos aos bairros Jardim Carapina e Eurico Salles.  Além disso, a região também receberá obras de urbanização, praça, ciclovias, semáforos inteligentes, entre outras melhorias. A conclusão das obras do complexo viário Trevo de Carapina tem previsão de término em dezembro de 2022.

“Concluímos o Portal do Príncipe, no acesso sul da Capital, no ano passado e estamos com as obras de ampliação da Terceira Ponte avançadas e em ritmo acelerado. Aqui em Carapina, também estamos avançando bem com as obras no segundo trecho e as melhorias já são sentidas no trecho Vitória, onde o trabalho já está concluído. Vamos iniciar agora a última etapa, que é o viaduto e pretendemos entregar toda obra até o final deste ano, para a melhoria da mobilidade da Região Metropolitana”, explicou o secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno.

 

Comentários Facebook

Estado

Recursos da Lei Paulo Gustavo para setor cultural capixaba serão discutidos em Vitória nesta terça (16)

Publicados

em

Por

Evento acontece nesta terça-feira (16), na Casa da Música Sônia Cabral, no Centro de Vitória, a partir das 18h30. Estão previstos cerca de R$ 40 milhões de repasse ao Estado e R$ 35 milhões para os 78 municípios.

A Lei Paulo Gustavo vai destinar R$ 75 milhões ao fomento do setor cultural capixaba. Para apresentar e debater os impactos, benefícios e oportunidades dos recursos no Estado, a equipe da Secretaria da Cultura (Secult) realiza um encontro aberto ao público, que acontece nesta terça-feira (16), às 18h30, na Casa da Música Sônia Cabral, localizada no Centro de Vitória.

Estão previstos cerca de R$ 40 milhões de repasse ao Estado e R$ 35 milhões para os 78 municípios. Esta divisão decorre de um mecanismo que calcula a população de cada local perante ao fundo de participação dos estados e municípios. Deste valor, aproximadamente 75% serão direcionados ao setor audiovisual e 25% para os demais segmentos da arte e cultura.

“Além da  presença dos empreendedores e fazedores de cultura em geral,  será importante que entidades de todo o Estado conheçam sobre a mobilização em torno da Lei”, afirmou o secretário de Estado da Cultura e presidente do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura, Fabrício Noronha.

Lei Paulo Gustavo

Com o objetivo de auxiliar o setor cultural prejudicado pela pandemia da Covid-19, o  Projeto de Lei Paulo Gustavo (PLP 73/21) foi apresentado como recurso de ação emergencial no mês de novembro de 2021 no Senado e em julho deste ano foi promulgada como Lei Complementar 195/22. O nome da Lei homenageia o ator Paulo Gustavo, que faleceu em maio de 2021, devido à Covid-19.

O recurso total de R$ 3,86 bilhões é proveniente do superávit financeiro do FNC (Fundo Nacional de Cultura), e do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), recursos financeiros estes que não seriam utilizados no cronograma de pagamento dentro do exercício fiscal e que poderiam ser empregados como fonte de recurso adicional a ser operado diretamente pelos estados e municípios.

Serviço:

Encontrão Capixaba – Lei Paulo Gustavo e seu impacto no ES

Data: 16/08 (terça-feira)

Horário: 18h30

Local: Casa da Música Sônia Cabral, Centro de Vitória.

Aberto ao público.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana