conecte-se conosco

Polícia

Guaçuí: Suspeitos de dopar, matar e esquartejar homem são presos pela Polícia Civil

Publicado

Três homens e duas mulhares foram presos nesta quinta-feira (21), suspeitos de dopar, matar, esquartejar e atear fogo em João Paulo Pereira Purificati, de 39 anos, no dia 24 de abril deste ano, em Guaçuí.

Segundo a Polícia Civil (PC), João Paulo foi seduzido por duas mulheres, que diluíram remédios na bebida oferecida para ele. Depois de dopado ele foi morto pelos suspeitos. O corpo de João foi transportado em um carro, que também foi encontrado pela PC.

Os três homens foram presos na zona rural de Guaçuí, no Assentamento Luiz T. Neto, no Bairro Vila dos Professores.

Os suspeitos tiveram apenas as iniciais de seus nomes divulgados. São eles: M. B. de O., 41 anos / J. C. da S., 54 anos / H. da S. B. de O., 23 anos / A. P. da C., 34 anos / M. M. P. da Silva., 36 anos.

Fonte: Olhe Agora

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Equipe da Decon apreende mais de 1.300 frascos de azeite adulterados na Grande Vitória

Publicado

 

.

A equipe da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon) apreendeu, nesta terça-feira (02), 1.305 frascos de azeite extra virgem adulterados. Os produtos apresentavam rótulos de três supostas marcas e estavam sendo comercializados cinco estabelecimentos da Grande Vitória.

“O conteúdo dos produtos apreendidos foi analisado em laboratório oficial, de acordo com o lote, e ficou concluído que estes apresentam irregularidades na rotulagem e inconsistências do conteúdo, ou seja, o produto comercializado não poderia ser considerado azeite de oliva extra virgem”, explicou o titular da Decon, delegado Eduardo Passamani.

O delegado explicou que os estabelecimentos não poderiam ser, a princípio, culpabilizados pelo material adulterado. “Não podemos antecipar a culpabilidade, pois ainda não sabemos se o produto foi vendido pela marca já adulterado, ou se foi falsificado após a venda”, informou.

Diante das informações, o material foi apreendido pela Decon e será dado prosseguimento nas investigações para identificarem a origem da adulteração.

Fonte: Polícia Civil ES

 

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana