conecte-se conosco


Cidades

Hospital Padre Olívio consegue o certificado de filantropia

O Hospital Padre Olívio em Boa Esperança teve deferido o pedido de concessão do CEBAS – Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social, conhecido como certificado de filantropia, que permite a entidade celebrar convênios com o poder público, obter subvenções sociais (repasses para cobrir despesas de custeio) e outros. O presidente da Câmara Municipal de Vargem […]

Publicados

em

O Hospital Padre Olívio em Boa Esperança teve deferido o pedido de concessão do CEBAS – Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social, conhecido como certificado de filantropia, que permite a entidade celebrar convênios com o poder público, obter subvenções sociais (repasses para cobrir despesas de custeio) e outros.

O presidente da Câmara Municipal de Vargem Alta, o vereador Luciano Quintino, foi para Brasília nesta semana em busca de soluções para o HPO, participou de reuniões e anteontem (20) anunciou que o hospital conseguiu a certidão.

A portaria que deferiu, em grau de reconsideração, a concessão do CEBAS, do Hospital Padre Olívio, foi publicada nesta quinta-feira (21) no Diário Oficial da União. Conforme a publicação, a concessão terá validade de três anos.

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Defesa Civil Nacional repassa R$ 96,4 mil para o município de Alegre

Publicados

em

Por

Casa destruída após queda de muro em Alegre. Um homem morreu - Foto: Reprodução / Redes Sociais

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou o repasse de R$ 96,4 mil para ações de defesa civil na cidade de Alegre, no Espírito Santo. A portaria foi publicada nesta sexta-feira (24) no Diário Oficial da União. A cidade capixaba sofreu com chuvas intensas e usará o recurso para a reconstrução de uma ponte. A ação beneficiará cerca de 29,5 mil pessoas.

Em todo o País, estados e municípios atingidos por desastres e que já tenham obtido o reconhecimento federal de situação de emergência ou de estado de calamidade pública podem solicitar recursos do MDR para atendimento à população afetada. As ações envolvem restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados.

A solicitação deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Com base nas informações enviadas, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do montante a ser liberado.

Comentários Facebook

Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana