conecte-se conosco

Ciência e Tecnologia

Huawei lança versão de luxo do Mate 30 em parceria com a Porsche

Publicado

source

Olhar Digital

Huawei Mate 30 arrow-options
Divulgação/Huawei

Versão de luxo do Mate 30 Pro é lançada


A Huawei iniciou nesta semana na China a venda de uma edição especial de seu smartphone top de linha, o  Huawei Mate 30 Pro . O principal destaque do novo aparelho é seu visual exclusivo, que foi projetado em parceria com o estúdio de design da icônica montadora alemã Porsche . A nova versão do smartphone, que foi batizada de  Huawei Mate 30 RS Porsche Design , virá com uma tela OLED de 6,53″ com resolução de 2.440 × 1.176 pixels e leitor de impressões digitais integrado.

Leia também: Mate X, celular dobrável da Huawei, ganha data e preço de lançamento; confira

A câmera frontal tem 32 MP e seu próprio sensor ToF, para efeitos de profundidade e melhores selfies. Em comparação com o Mate 30 Pro , a edição especial virá com uma memoria de 12 GB de RAM e 512 GB de memória interna, contra 8 GB RAM e 256 GB de memória interna no modelo comum. Além disso, o aparelho contará com um processador  Kirin 990 , o mais poderoso da Huawei , além de um modem 5G integrado.

Devido ao embargo comercial imposto pelos Estados Unidos, o Huawei Mate 30 RS Porsche Design não traz os serviços do Google. O preço do smartphone deixa claro que se trata de um smartphone de luxo: na China ele custará o equivalente a 1900 dólares.

Comentários Facebook
publicidade

Ciência e Tecnologia

Anvisa aprova eletrocardiograma em Apple Watch, diz site

Publicado


source

Olhar Digital

Apple Watch
Unsplash/Luke Chesser

Apple Watch ganha recurso de eletrocardiograma


Recentemente, a Apple ativou o recurso de eletrocardiograma (ECG) em alguns Apple Watches em países como Chile, Nova Zelândia, Turquia e Arábia Saudita. Após discussão sobre a chegada da funcionalidade por aqui, parece que o lançamento está prestes a acontecer.

De acordo com o site MacMagazine, o pedido para que o ECG chegue aos relógios da marca no país será aprovado nesta segunda-feira (25) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( Anvisa ). O pedido, feito pela empresa da maçã em 4 de maio, levou um tempo menor do que o esperado para ser concedido – a previsão era de 60 dias. Com a autorização em mãos, a empresa pode começar o processo de liberação do recurso.

Se a Apple  seguir o cronograma de lançamento em outros países, a funcionalidade deve chegar por aqui quando uma nova versão do watchOS for liberada. Atualmente, o sistema encontra-se na versão 6.2.5, para implementar o recurso, pode ser que a companhia lance sua sucessora – que deve ser nomeada 6.2.6.

Leia também: Apple Watch poderá identificar ataque de pânico, diz vazamento

Outra possibilidade é esperar o lançamento da versão 6.3 que, se for como a empresa costuma fazer, começará os testes beta em breve. No entanto, isso pode fazer com que a funcionalidade demore um pouco mais para ser disponibilizada para todos.

Em uma cenário mais otimista, prevendo a liberação por aqui, a Apple  já pode ter implementado o recurso de maneira escondida no watchOS 6.2.5. Com isso, basta a aprovação acontecer para que a funcionalidade seja liberada de maneira remota, sem a necessidade de uma atualização – isso ocorreu na Índia recentemente. 

De qualquer forma, parece que os donos brasileiros de Apple Watches Series 4 e 5 estão muito próximos de poder ter acesso ao recurso e usá-lo pela primeira vez.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana