conecte-se conosco


Cidades

Inverno chegou! Veja as doenças mais comuns nessa época e como evitá-las

Publicados

em

Reprodução: Freepik

O inverno começou oficialmente nesta terça-feira (21) e além do frio, a estação também traz algumas doenças que, se não tratadas, podem causar complicações para os pacientes.

Quem explica é o clínico-geral do Santa Casa Especialidades, Bruno Luzorio. Segundo o médico, nessa época do ano é comum o aumento de casos no consultório de doenças respiratórias.

Bruno Luzorio, clínico-geral do Santa Casa Especialidades – Foto: Divulgação

“Com as baixas temperaturas, aumentam também os casos de rinites, sinusites e outros casos mais graves como pneumonia viral e bacteriana”, informou.

Nesses casos, os pacientes devem ficar atentos ao principais sintomas, como febre persistente e falta de ar. Doenças como gripe e resfriado também são comuns nessa época do ano.

“Diante disso, é importante procurar um médico para tratamento e evitar que o quadro evolua para uma situação mais grave”, orientou.

Na nova estação a atenção precisa ser redobrada principalmente com pessoas idosas que já possuem imunidade mais baixa.

Veja abaixo medidas para garantir a saúde no inverno

• Lavar as mãos frequentemente com água e sabão;
• Evitar contato com superfícies de uso comum, como: fechaduras, corrimões de ônibus ou escadas;
• Ter uma alimentação equilibrada rica em nutrientes, frutas, verduras, legumes, carnes magras e bastante líquido;
• Manter janelas abertas para circulação do ar;
• Evitar o acúmulo de poeira na casa;
• Manter-se agasalhado ao ar livre, principalmente no período noturno;
• Praticar exercício físico para aumentar a capacidade respiratória;
• Antes do uso de roupas guardadas, deve-se lavá-las e secá-las ao sol – para combater os ácaros;
• Deve-se evitar automedicação e procurar acompanhamento clínico sempre que necessário;

Especialidades

O Santa Casa Especialidades oferece a comodidade de marcar a consulta por telefone ou whatsapp.

O número para fazer o agendamento é o (28) 99274-8349. Pela ferramenta, é possível também escolher a especialidade e conhecer os valores das consultas.

O Santa Casa Especialidades funciona de segunda a quinta das 7 às 17 horas e sexta-feira das 7 às 16 horas. Também é possível fazer o agendamento pelo telefone (28) 2101-2185.

Além de atendimento particular, a Santa Casa também trabalha com os principais planos de saúde da Região.

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Sancionada a lei que autoriza agentes da GCM de Anchieta a portar armas de fogo

Publicados

em

Por

Foto: Divulgação

A Guarda Civil Municipal de Anchieta (GCMA) passará a atuar com porte legal de arma de fogo. O prefeito de Anchieta, Fabrício Petri, sancionou ontem (27) a lei que permite o porte de arma de fogo para a categoria. Na ocasião Petri sancionou mais três leis que estruturam e regulamentam a Guarda Civil Municipal de Anchieta. Parte da corporação participou do ato de assinatura, ocorrida no gabinete do prefeito.

O projeto de armar a Guarda Municipal de Anchieta foi elaborado desde 2021 pelo executivo municipal. Ao todo, 87 agentes serão treinados pela Polícia Federal para atuarem com as novas regras. Recentemente, o município criou uma ouvidoria e também uma corregedoria dentro da Guarda Municipal – consideradas instrumentos indispensáveis para a efetivação do projeto.

De acordo com o gerente da Guarda, Wander Nogueira, a aprovação da proposta é um marco histórico para o município e um avanço para as ações de segurança. “Armar a Guarda vai dar mais legitimidade para o trabalho da instituição, que passará a atuar de forma mais independente”, avaliou.

Para o prefeito, a Guarda é uma importante instituição que vem prestando valiosos serviços ao município. “Tenho orgulho da nossa guarda e dos nossos agentes que vêm fazendo um importante papel na segurança de nossa cidade. Essas novas lei irão dar mais respaldo para a corporação se tornar ainda mais organizada e estruturada”, disse.

Preparação e treinamento

Para armar os agentes, a Guarda Municipal de Anchieta firmou uma parceria com a Academia da Polícia Civil do Estado do Espírito Santo (Acadepol), que irá ofertar um curso de capacitação para os agentes. O treinamento vai capacitar os guardas na parte teórica e prática, incluindo o curso de tiro. Antes de utilizarem armas de fogo, os agentes deverão ser aprovados nesta formação.

A Lei autoriza o município a firmar convênios, acordos de cooperação técnica e instrucional com União, Estados, Municípios, bem como, com instituições, órgãos ou estabelecimentos de ensino aptos legalmente a ofertarem cursos de formação, aperfeiçoamento e utilização de armamento e tiro ao efetivo da Guarda Civil Municipal de Anchieta.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana