conecte-se conosco

Entretenimento

Klara Castanho fala abertamente sobre caso de traição: “Fui corna aos 14 anos”

Publicado

source

No sábado (9), Klara Castanho, de 19 anos, resolveu publicar um vídeo no iGTV para falar sobre uma traição que sofreu durante um relacionamento. “Fui corna aos 14 anos”, começa dizendo a atriz. Em seguida, ela conta que a história é boa demais e, por isso, merece ser compartilhada com outras pessoas além dela, sua família e amigos. 

Leia também: Traição, dinheiro e rumores em torno da união entre Fernanda Souza e Thiaguinho

Klara Castanho arrow-options
Reprodução/Instagram/Klara Castanho

Klara Castanho fala sobre caso de traição em vídeo do IGTV e diz que, quando tinha 14 anos, “foi corna”

No vídeo, Klara Castanho diz que, aos 14 anos, passou a frequentar lugares e conhecer pessoas. “Meu primeiro beijo foi aos 12. Depois de dois anos, é que eu fui beijar na boca de novo com essa pessoa. Ele era uma pessoa que ficava com todo mundo e eu achei que tinha tirado a sorte grande, porque ele pegava todo mundo, mas resolveu namorar comigo”, diz.

Em seguida, a atriz conta que estava apaixonada e, um mês depois, descobriu que estava sendo “corna”. No início, ela achou que não fosse conseguir perdoar. No entanto, cinco dias depois, já estava com ele novamente. Aliás, a relação ia e voltava várias vezes. Klara ainda diz que os pais não sabiam e que sabia que a relação não daria certo. 

Leia mais:  Maria da Paz teme que Jô seja a grande assassina de "A Dona do Pedaço"

Leia também: Maisa, Mel Maia e Klara Castanho falam de relação com a fama

No entanto, as coisas começaram a ficar sérias. E ela até foi pedida em namoro e ganhou uma aliança. “Parecia que ela ia queimar o meu dedo se eu usasse. Eu fui pedida em namoro dia 4 de julho. Dia 9 ele me deu a aliança. Vocês concordam que a data tinha que ser dia 4? Foi dia 9 porque era aniversário de uma amiga minha. Ele resolveu que era uma homenagem no nosso relacionamento para ela”, continua. 

Em seguida, Klara conta vivia em tensão com medo dos pais saberem do seu namoro. “Eu achava que eu saiba muito o que eu estava fazendo”, diz. “Hoje, com 19 anos, eu vejo que, se eu tivesse nessa situação de novo, não deixaria chegar nesse estágio”, pontua. Atualmente, ela diz ser mais aberta em contar as coisas para sua mãe. 

No fim das contas, a mãe descobriu o relacionamento

Klara Castanho arrow-options
Reprodução/Instagram/Klara Castanho

Klara Castanho

A atriz conta que, certo dia, rolou uma atualização do celular e foi quando a mãe descobriu o relacionamento dela. Certo dia, sem saber como explicar, surgiu um áudio que Klara tinha enviado para uma amiga contando como tinha sido o encontro dela com o rapaz. Durante a madrugada, a mãe confiscou o aparelho. 

Leia mais:  Aos 78, Erasmo Carlos revela vontade de ter filhos com esposa 49 anos mais jovem

No dia seguinte, Klara perguntou onde estava seu celular. Foi quando a mãe falou do namoro. “Ela descarregou coisas para cima de mim. Eu entendo completamente o que ela sentiu, porque eu a enganei. Ela se sentiu traída porque eu realmente menti. E muito. E mentia sobre tudo. Tinha medo de escorregar na história”, continua.

Para finalizar, Klara Castanho diz que resolveu compartilhar a história por achá-la engraçada. “Hoje em dia, eu rio. Mas, na época, eu chorei baldes e baldes. Se minha mãe tivesse sabido no primeiro mês, eu não teria passado por nada disso, porque ela já o teria mandado a pessoa correr em dois segundos”, ressalta. 

Leia também: Famosas “ganham primos” nos comentários em fotos do Instagram

Assista:


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Vetada pela Globo, Carla Vilhena fala sobre críticas a Maju: “não sou racista”

Publicado

source

Há pouco tempo, Carla Vilhena deu o que falar ao fazer críticas a Maju Coutinho nas redes sociais. Mesmo após pedir desculpas, a jornalista continua sendo questionada sobre o assunto e em uma recente entrevista ao “TV Fama”, ela deu mais detalhes sobre sua atitude e negou ter sido maldosa em suas palavras.

Carla Vilhena arrow-options
Divulgação/TV Globo

Carla Vilhena

“Eu errei ao não ter a percepção de quem eu estava falando. Não estava falando de uma pessoa qualquer, mas de uma pessoa que é um símbolo de muitas pessoas, como exemplo a ser seguido”, falou  Carla Vilhena sobre o assunto.

Leia também: Carla Vilhena chorou ao deixar “Bom Dia SP” e já dormiu na garagem da Globo

Depois das declarações contra  Maju Coutinho , a jornalista foi apontada como racista e se desviou das acusações explicando: “Eu sou tão não racista que não atentei para a cor da pessoa e para o passado de ataques a outras pessoas”.

Leia também: Ex-contratada da Globo, Carla Vilhena chama funk de “porcaria” e “nojeira”

Leia mais:  Leo Santana faz implante capilar e mostra resultado: "Todo mal cortado"

Por falar em racismo,  Carla Vilhena aproveitou para dizer que sofreu veto da Globo por tentar usar seu cabelo natural, como Maju. “Tentei usar muitas vezes meu cabelo que é crespo, mas nunca me foi permitido. O anterior do anterior diretor de jornalismo da Globo vetou expressamente meu cabelo. No ‘Jornal Hoje’ foi vetado e no ‘SPTV’ também”.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana