conecte-se conosco


Cidades

Mancha de óleo não atingirá litoral Sul do ES, diz Marinha sobre vazamento

Em nota conjunta, a Marinha, o Ibama e a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informaram nesta segunda-feira (25), que o vazamento ocorrido na madrugada de sábado (23), na plataforma P-58, localizada a 80 quilômetros do litoral sul do Espírito Santo, já está sob controle e a mancha de óleo não atingirá o litoral. […]

Publicados

em

Em nota conjunta, a Marinha, o Ibama e a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informaram nesta segunda-feira (25), que o vazamento ocorrido na madrugada de sábado (23), na plataforma P-58, localizada a 80 quilômetros do litoral sul do Espírito Santo, já está sob controle e a mancha de óleo não atingirá o litoral.

“A Marinha do Brasil (MB), por meio do Comando do 1º Distrito Naval, o Ibama e a Agência Nacional do Petróleo (ANP) informam que o vazamento foi imediatamente interrompido logo após sua detecção. Não houve vítimas nem impacto à operação da plataforma”, diz a nota.

Nos sobrevoos realizados neste domingo (24) foi possível constatar “uma redução substancial do volume de óleo que permanece no mar, bem como nas dimensões da área afetada. Mantidas as condições atuais, as simulações indicam que o óleo, que segue se dispersando em direção sul a aproximadamente 110 km do litoral, não atingirá a costa” e teria sido totalmente disperso até a manhã desta segunda (25).

A Petrobras, em nota, também já havia informado que, em sobrevoo realizado na tarde de domingo (24), no litoral do Espírito Santo, atestou que as ações de respostas ao vazamento de óleo ocorrido no sábado (23), durante operação de transferência de óleo da plataforma P-58, “foram efetivas, restando apenas uma mancha residual, que deverá ser totalmente dispersada pelas embarcações ao longo da noite”.parque-das-baleiasespirito-santopetroleovazamentopetrobras

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Defesa Civil Nacional repassa R$ 96,4 mil para o município de Alegre

Publicados

em

Por

Casa destruída após queda de muro em Alegre. Um homem morreu - Foto: Reprodução / Redes Sociais

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou o repasse de R$ 96,4 mil para ações de defesa civil na cidade de Alegre, no Espírito Santo. A portaria foi publicada nesta sexta-feira (24) no Diário Oficial da União. A cidade capixaba sofreu com chuvas intensas e usará o recurso para a reconstrução de uma ponte. A ação beneficiará cerca de 29,5 mil pessoas.

Em todo o País, estados e municípios atingidos por desastres e que já tenham obtido o reconhecimento federal de situação de emergência ou de estado de calamidade pública podem solicitar recursos do MDR para atendimento à população afetada. As ações envolvem restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados.

A solicitação deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Com base nas informações enviadas, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do montante a ser liberado.

Comentários Facebook

Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana