conecte-se conosco


Entretenimento

Marco Pigossi assume namoro com diretor italiano: “Chocando zero pessoas”

Publicados

em


source
Marco Calvani e Marco Pigossi de mãos dadas na praia
Reprodução/Instagram

Marco Calvani e Marco Pigossi de mãos dadas na praia


Marco Pigossi se assumiu gay. Nesta quinta-feira (25) o galã brasileiro da Netflix postou uma foto de mãos dadas com o diretor italiano Marco Calvani, após passarem algumas semanas trocando mensagens carinhosas pelo Instagram. Mas somente hoje surgiu a primeira foto oficial do casal.

“Grato por isso”, escreveu Calvani na legenda, acompanhado da hashtag #Thanksgiving, por conta da celebração do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos. Na imagem, os dois estão juntos e de mãos dadas em uma praia em Los Angeles, na Califórnia. 


Muitos brasileiros começaram a comentar a foto de Calvani e passaram a questionar Pigossi se ele teria coragem de se assumir publicamente. Ele não pensou duas vezes e repostou a foto do namorado em seus Stories com uma legenda de deboche: “Chocando um total de zero pessoas”.

Leia Também

Pigossi foi bem acolhido pelos fãs após decidir se assumir publicamente. Várias mensagens positivas foram publicadas no Twitter de pessoas parabenizando o ex-galã da Globo pela coragem de tornar pública sua orientação sexual.

O deboche de Pigossi sobre seu “outing” faz sentido: por diversas vezes ele foi questionado por colegas de profissão mal intencionados sobre suas relações amorosas, justamente para pressioná-lo a sair do armário. Nos bastidores, sua sexualidade nunca foi um segredo para os amigos, mas tornar isso público era algo que não passava por sua mente na época em que trabalhava na Globo.

Como agora ele trabalha na Netflix e seu público ampliou, o medo foi embora. Tanto que basta olhar melhor as publicações anteriores de Calvani para ver que o brasileiro já vinha expondo seu amor publicamente. A coluna deseja felicidades ao casa!


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Propaganda

Entretenimento

Claudia Leitte diz que críticas são seletivas após ser chamada de genocida

Publicados

em


source
Claudia Leitte foi atacada nas redes sociais
Reprodução/Instagram

Claudia Leitte foi atacada nas redes sociais


A cantora Claudia Leitte se manifestou, nesta segunda-feira (29), após ser xingada de genocida por realizar um show em São Paulo (SP) no sábado (27).

Claudia foi atacada nas redes sociais durante o fim de semana, principalmente por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (SP), que comparavam o show da cantora com eventos do presidente.

Em nota, divulgada nesta segunda-feira (29), Claudia Leitte disse que os ataques são “seletivos” e “desrespeitosos”. “Claudia é uma artista responsável e ciente de seu papel, jamais faria um evento sem a autorização dos órgãos atribuídos e sem os cuidados necessários. Cabe apenas refletir sobre essas críticas seletivas e aos ataques, totalmente inconcebíveis e desrespeitosos com a artista”, diz nota enviada pela equipe da cantora.


Na nota, Claudia Leitte mencionou que outros shows foram realizados no país, com mais pessoas reunidas, mas não receberam críticas. Artistas como Zé Neto & Cristiano, Barões da Pisadinha e Gusttavo Lima celebraram shows com públicos maiores pelo país. “Outros tantos [shows] vêm acontecendo no Brasil e não foram criticados ou colocados em xeque em relação aos cuidados com a saúde do público. E não só shows, como também rodeios e estádios de futebol”, disse.

Leia Também

Vale lembrar que o evento cumpriu as normas impostas pelo Governo de São Paulo. O folião só podia entrar na festa “Blow Out” com comprovante de vacinação contra covid-19 (duas doses), além de contar com três mil pessoas em um espaço para dez mil pessoas. 

Veja nota completa:

A cantora Claudia Leitte realizou um show em formato trio no estacionamento do Espaço das Américas no último sábado, 27, respeitando todas as normas de saúde impostas pelo Governo do Estado de SP. Só era possível entrar no local comprovando a vacinação completa da covid 19 e, além disso, o evento foi feito com capacidade reduzida, com apenas 3 mil pessoas.

É válido mencionar que assim como o show de Claudia, outros tantos vêm acontecendo no Brasil e não foram criticados ou colocados em xeque em relação aos cuidados com a saúde do público. E não só shows, como também rodeios e estádios de futebol.

Claudia é um artista responsável e ciente de seu papel, jamais faria um evento sem a autorização dos órgãos atribuídos e sem os cuidados necessários. Cabe apenas refletir sobre essas críticas seletivas e aos ataques, totalmente inconcebíveis e desrespeitosos com a artista.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana