conecte-se conosco


Cidades

Novos Talentos abre vagas para aulas gratuitas de música e bordado

A Secretaria Municipal de Cultura de Cachoeiro (Semcult) está abrindo 168 vagas para as oficinas do projeto Novos Talentos, que tem como objetivo incentivar a descoberta de novas habilidades artísticas entre os moradores. Há oportunidades para quem quer estudar canto coral, bordado, violão e teclado, gratuitamente.  As inscrições começam nesta sexta (22) e vão até […]

Publicados

em

A Secretaria Municipal de Cultura de Cachoeiro (Semcult) está abrindo 168 vagas para as oficinas do projeto Novos Talentos, que tem como objetivo incentivar a descoberta de novas habilidades artísticas entre os moradores. Há oportunidades para quem quer estudar canto coral, bordado, violão e teclado, gratuitamente. 

As inscrições começam nesta sexta (22) e vão até dia 8 de março, na sede da secretaria, localizada à Praça Jerônimo Monteiro, Centro. O atendimento é de segunda a sexta, das 9h às 18h, na coordenação de Artes. 

Para a adesão, é indispensável levar Carteira de Identidade ou Certidão de Nascimento e comprovante de residência atualizado, e escolher entre as opções de oficinas, locais e horários disponíveis (relação ao fim do texto). 

O projeto funciona desde 2017 e, neste ano, disponibilizou 238 vagas, sendo que 70 delas já estão preenchidas por alunos que ingressaram nas oficinas no ano passado e desejam dar continuidade aos estudos. Seu público principal é de jovens, que buscam dar os primeiros passos no aprendizado das técnicas artísticas ensinadas, mas também há adultos que procuram, em especial, as aulas de bordado e teclado.

“Essa é uma das políticas públicas da Semcult que permite a descoberta de novos talentos, dando oportunidade das pessoas se descobrirem enquanto artistas e identificarem novas formas de renda. Além disso, promove a socialização e melhora a autoestima, pois eles passam a ser reconhecidos e a se enxergar de uma nova forma”, conta o subsecretário de Cultura, Lucimar Costa.

Oficinas para distritos e Centro de Convivência

Além das oficinas abertas à comunidade geral, o programa Jovens Talentos contará também com vagas direcionadas para determinados públicos, como para moradores dos distritos de Itaoca e Burarama, da região do Centro de Artes e Esportes (CEU), no Aeroporto, e idosos do Centro de Convivência Vovó Matilde. Todas serão ofertadas este ano.

Inscreva-se!

Centro Operário

Canto e coral 
Terças e quintas, às 9h (para o público com mais de 12 anos), às 13h (7 a 12 anos) e às 15h (5 a 7 anos)

Bordado 
Segundas e terças, às 10h, 13h e 15h. Idade livre

Violão
Segunda à sexta às 8h, 9h, 10h, 13h, 14h, 15h e 16h

Teclado
Segunda à sexta, às 9h30, 11h, 13h30 e 15h

Casa de Cultura Roberto Carlos

Violão
Terças, quintas e sextas, às 9h30, 13h e 14h

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Prêmio Anchieta Arte e Cultura será retomado com apoio da Secult

Publicados

em

Por

Anchieta foi um dos primeiros municípios capixabas a receber recursos do Programa de Coinvestimento da Cultura – Fundo a Fundo, do governo do Estado. O plano de ação do município prevê a retomada do Prêmio Anchieta Arte e Cultura, que teve apenas duas edições nos anos de 2010 e 2011.

Em 2022 a ideia será revista e pretende premiar 14 fazedores de cultura, com prêmios que variam de R$ 5 mil a 20 mil. O edital, que será a terceira edição do Prêmio Anchieta Arte e Cultura, está previsto para ser lançado em julho, exclusivo para os artistas de Anchieta.

Segundo a gerente de Cultura e Patrimônio Histórico de Anchieta, Maria Fernanda Barros, o prêmio foi uma ferramenta de grande incentivo às artes e cultura na cidade. “Na época, eu como artista participei do prêmio e pude executar importantes passos em minha carreira. A retomada será importante para a cultura local e também uma homenagem ao ex-prefeito Edival Petri, que abriu as portas para apoiar as artes locais com essa iniciativa”, declarou a gerente.

Barros, que faz parte da comunicação na Mesa Diretora do Fórum de Secretários e Dirigentes Municipais de Cultura do Espírito Santo, explica que o Estado disponibilizou para Anchieta o valor de R$ 89 mil no Programa Fundo a Fundo e o município, em contrapartida, adicionou o valor de R$ 60 mil, totalizando R$ 149 mil para investimento no Prêmio Anchieta Arte e Cultura.

O edital do Prêmio Anchieta Arte e Cultura está previsto para ser lançado em julho para todos os artistas. A decisão para utilizar o recurso estadual para execução do Prêmio Anchieta Arte e Cultura partiu da gerência com aprovação do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Anchieta.

Comentários Facebook

Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana