conecte-se conosco

Estado

Organização britânica lança chamada para pesquisas de respostas rápidas contra Covid-19

Publicado


.

Pesquisadores brasileiros têm uma oportunidade de colaborar com cientistas britânicos para desenvolver respostas rápidas ao enfrentamento da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). Trata-se da chamada pública lançada por uma organização não governamental, com recursos públicos do Reino Unido, e que, no Brasil, conta com a parceria do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap).

A instituição britânica UK Research and Innovation (UKRI), divulgou a Chamada de Pesquisa para Respostas Rápidas à Covid-19, financiada pelo Global ChallengesResearchFund (GCRF) e do Newton Fund.

Os interessados podem submeter propostas em parceria com pesquisadores britânicos para projetos de até 18 meses de duração, com até 100% dos custos, de ambas as partes, financiados pelo UKRI.

Esses fundos abordam os desafios globais, por meio de pesquisa disciplinar e interdisciplinar. Por fortalecerem a capacidade de pesquisa e inovação tanto no Reino Unido quanto nos países em desenvolvimento, os fundos fornecem uma resposta ágil a emergências onde há uma necessidade urgente de pesquisa.

UKRI apoia pesquisas para respostas rápidas à Covid-19

A chamada é direcionada a projetos de curto prazo, que abordem e mitiguem os impactos à saúde, além desociais, econômicos, culturais e ambientais da pandemia de Covid-19 em países de baixa e média renda.

Não há orçamento definido para a chamada. A UKRI está empenhada em financiar pesquisas de qualquer escala, que possam gerar impactos positivos, e que sejam compatíveis com a duração do projeto e das atividades previstas.

Em razão da urgência causada pela pandemia, o início do projeto está previsto para acontecer em até quatro semanas após a divulgação do resultado das pesquisas aprovadas.

SERVIÇO:
Acesse a Chamada UKRI de Pesquisas para Respostas Rápidas à Covid-19

Com informações da Assessoria de Comunicação Social – Confap

Informações à imprensa:
Assessoria de Comunicação/Fapes
Mike Figueiredo
(27) 3636-1867 / 99309-77100
[email protected] 

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
publicidade

Estado

Seag entrega cartilha prevenção do novo Coronavírus em feiras livres

Publicado


.

A cartilha com orientações importantes para evitar a proliferação do novo Coronavírus (Covid-19) em feiras livres do Espírito Santo está sendo entregue pela equipe técnica da Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag). O objetivo é orientar os feirantes e consumidores as medidas que ajudam a reduzir o risco de contrair ou transmitir a covid-19.

A equipe já percorreu mais de 20 municípios desde o extremo norte até a região serrana. “A cartilha é fruto de um trabalho em conjunto com a Secretaria da Saúde (Sesa), Associação dos Municípios do Espírito Santo (Amunes) e vários parceiros. Ela é de fácil entendimento e traz diversas informações técnicas importantes para evitar a proliferação do novo Coronavírus na feiras capixabas”, disse o secretário de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Paulo Foletto.

A Maria Odete, moradora do município de Montanha, é uma consumidora assídua da feira livre. “Toda semana eu venho à feira comprar os produtos da agricultura familiar e a cartilha é mais uma ferramenta que auxilia na hora de tomar todos os cuidados para não contrair o novo Coronavírus”, afirmou.

Para a coordenadora do Centro de Comercialização da Agricultura Familiar de Montanha, Natiele Fornazie Pancieri, nesse momento de pandemia, orientação e prevenção se tornaram palavras focais do vocabulário. “A cartilha traz, de forma detalhada, as principais medidas que precisamos adotar na hora de atender o nosso consumidor. Apesar de o novo Coronavírus ser uma realidade, precisamos movimentar a economia para que nós, produtores rurais atuantes nas feiras, possamos continuar trabalhando de forma segura”, ressaltou.

Texto: Vanessa Capucho

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Seag
Vanessa Capucho / Carlos Pereira
(27) 3636-3700 / 3651
[email protected]

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana