conecte-se conosco


Estado

Parque Estadual da Pedra Azul participa de ação de educação ambiental com escolas da região

Publicados

em

 

A equipe do Parque Estadual da Pedra Azul (Pepaz), em Domingos Martins, participou de um evento de educação ambiental, com alunos das escolas de São Paulo do Aracê e da Vila de Pedra Azul, regiões do entorno da Unidade de Conservação. A ação foi realizada próxima ao Pepaz e contou com a soltura de pássaros nativos.

Os 39 pássaros que foram soltos são nativos da espécie Trinca Ferro (Saltator Similis) e viviam em situação de cativeiro irregular. Todos foram apreendidos em ações de fiscalização do Ibama. Antes de serem soltos, eles passaram uns dias sob os cuidados da equipe do Pepaz, para se ambientarem e se acostumarem com o clima.

Além da soltura, o evento contou ainda com a amostra simbólica de destruição das gaiolas apreendidas. A ação foi realizada pelo Instituto Canal (SOS Mata Atlântica) e pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas-ES) do Ibama.

“A participação do Parque Estadual da Pedra Azul neste evento socioeducativo vem ao encontro de um dos programas de gestão da unidade, que é a sensibilização e educação ambiental das comunidades do entorno. Essa ação é de grande relevância para a UC, pois, além de termos tido a oportunidade de colaborar com a ambientação dos pássaros na região, pudemos participar deste momento de soltura e conscientização ambiental destas crianças”, destacou a gestora do Parque, Lorenza Zandonadi.

Comentários Facebook
Propaganda

Estado

Operação Verão: Sefaz intensifica fiscalização ao setor de bebidas

Publicados

em


A Secretaria da Fazenda (Sefaz) apertou o cerco contra a sonegação no setor de bebidas. Pelas próximas semanas, auditores fiscais da Receita Estadual vão realizar a ‘Operação Verão’, que tem como alvo as bebidas alcoólicas comercializadas sem a emissão de nota fiscal.

A operação teve início na última semana e já verificou a comercialização irregular de vinhos. A fiscalização resultou numa autuação de R$ 700 mil referentes à falta de recolhimento do imposto sobre a mercadoria adquirida em outro estado da federação.

No presente caso, o imposto deveria ter sido recolhido na aquisição feita pela empresa capixaba. Isso porque, para o vinho, o ICMS é recolhido por substituição tributária. Isto faz com que, na prática, a empresa pratique preços que outros comerciantes que fazem o recolhimento corretamente não poderiam praticar, explicou o auditor fiscal e gerente Fiscal, Arthur Carlos Teixeira Nunes.

“Continuaremos combatendo fortemente a sonegação neste setor, atuaremos por meio do cruzamento de dados, como o que possibilitou esta autuação, mas também atuaremos em campo, com operações especiais que nos possibilitarão realizar a apreensão das mercadorias desacompanhadas de documento fiscal”, acrescentou Teixeira Nunes.

Além da autuação, também será lavrada a Comunicação Fiscal para Fins Penais, instrumento que possibilita ao Ministério Público iniciar o processo criminal em relação ao crime de sonegação fiscal. “Fecharemos o cerco contra a sonegação fiscal em todos setores, estamos concentrando forças no setor de bebidas e avançaremos nos demais”, disse o auditor fiscal e subsecretário da Receita, Benício Suzana Costa.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sefaz
Alexandre Lemos / Giordany Bozzato
(27) 3347-5511 / (27) 3347-5128
[email protected] / [email protected]

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana