conecte-se conosco


Cidades

PCES lança projeto ‘Homem que é Homem’ em Castelo

Publicados

em

 

A Polícia Civil, por meio da Divisão Especializada de Atendimento à Mulher, lançou, na manhã dessa terça-feira (23), o projeto ‘Homem que é Homem’, no município de Castelo, sendo a 13ª cidade a ser contemplada com esta ação.  O projeto visa a contribuir para a redução da violência contra a mulher no Estado, atuando numa perspectiva preventiva (socioeducativa).

A solenidade aconteceu no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Castelo e foi mediada pela coordenadora do projeto, delegada Natalia Tenório Sampaio, que destacou a importância do projeto.

“Nestes grupos reflexivos, homens autores de violência são levados a refletir sobre as relações de gênero, formas pacíficas de lidar com os conflitos, identificação e reflexão a respeito das violências vivenciadas nas suas relações, bem como aspectos relativos à relação familiar, propondo a estes homens, nas dinâmicas propostas nos grupos, pensar o espaço subjetivo ocupado na família como um lugar democrático de convivência”, conta.

O município de Castelo foi a 13ª cidade a ser contemplada com esta ação.  O projeto vem sendo desenvolvido nos municípios de Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica, Linhares, Marataízes, Aracruz, Colatina, Guarapari, Viana, Montanha, São Gabriel da Palha. As cidades de Cachoeiro do Itapemirim e São Mateus já concluíram todo o trâmite para a execução do projeto em seus territórios e estão organizando as datas para o lançamento.

Para a chefe da Divisão Especializada da Mulher, delegada Claudia Dematté, a Divisão tem feito um papel importante no combate a violência doméstica e familiar contra a mulher, enviando todos os esforços para combater este tipo de violência, de maneira integral e efetiva.

“A Polícia Civil do Estado, por meio da Divisão, têm realizado todos os esforços para combater a violência doméstica contra a mulher. Para além do enfrentamento, numa maneira preventiva, mantém-se firme na necessidade de reprimir, a exemplo da realização rotineira, das ‘Operações Marias’”, destaca a delegada Claudia Dematté .

Autoridades

Também estiveram presentes na solenidade: Superintendente de Polícia Regional Sul, delegado Faustino Antunes Simões Filho, titular de Castelo; delegado Marcelo Meurer Ramos, titular da 7ª Delegacia Regional de Cachoeiro de Itapemirim; delegado Rômulo Carvalho Neto, Gerente do projeto ‘Homem que é Homem’ da PCES; Gerente de proteção à mulher da Sesp, delegada Michelle Meira Costa; investigadora Renata Duarte Lima Marchini, Psicóloga da PCES e do projeto, Marcella demoner Borges Coutinho Rohr.

Do município de Castelo, as autoridades presentes foram: prefeito de Castelo, João Paulo Silva Nali; juíza de direito da 2ª vara da comarca de Castelo; Valquíria Tavares Mattos, promotor de Justiça de Castelo, Zenaldo Baptista de Souza; comandante do 1º pelotão da 3ª CIA de Polícia Militar de Castelo; capitão Alex Paneto, procurador geral do município de Castelo; Ademir da Silva Júnior, secretária municipal de assistência social, Cristiane Soares Ferreira; técnicas que irão executar o projeto em Castelo, psicóloga Eliane Maria Pizol Colodete e assistente social Fernanda Buen.

O projeto

Lançado em 2015 e idealizado por psicólogas e assistentes sociais da Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), o Projeto ‘Homem que é Homem’ foi elaborado com a finalidade de contribuir para a redução da violência contra a mulher no Estado, atuando numa perspectiva preventiva (sócio educativa). Tendo em vista os excelentes resultados atingidos, a partir do ano de 2017 a Polícia Civil do Espírito Santo passou a expandi-lo para municípios do interior do Estado, após estabelecer parcerias com as prefeituras municipais interessadas em executar o projeto em seus territórios.

A partir do ano de 2019, o Projeto foi inserido no eixo de proteção social do Programa Estado Presente em Defesa da Vida , fazendo com que o projeto fosse para os municípios do interior,  com o objetivo de reduzir a violência, garantindo a redução de vulnerabilidades e promoção de cidadania a todo Estado, em que pese a priorização de alguns territórios.

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Torneio do game League of Legends segue neste domingo (25) em Cachoeiro

Publicados

em

Por

Neste domingo (25), tem mais Taça Cachoeiro de League of Legends (TCLOL), jogo virtual de estratégia consagrado em todo o mundo. Será o segundo dia de disputas da fase de grupos dessa que é a primeira competição de esporte eletrônico (eSport) do município.

As batalhas, que começam às 13h, são on-line, com cada jogador em sua própria casa. Luiz Antonio Picoli, de 22 anos, do time Harém do Lang, tem boas expectativas.

“Espero o cronograma bem feito do primeiro dia para fechar mais uma semana com vitória e representar Cachoeiro. Ver minha cidade com um projeto que fomenta o eSport é muito bom, temos que valorizar. A transmissão está sendo boa e os jogos mantiveram um tempo bom no torneio”, afirma.

O torneio é promovido pela Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Qualidade de Vida (Semesp) e tem transmissão on-line em tempo real. Na estreia, no último domingo (18), mais de 1,5 mil pessoas assistiram.

“Gostei bastante da estreia, tem muita gente legal jogando. Para o segundo dia, espero que minha equipe tenha um desempenho melhor. Bom demais um torneio para movimentar a comunidade que gosta de eSports. A iniciativa foi um grande passo”, afirma Ryan Brambilla, de 24 anos, jogador da equipe Impostores.

As equipes vencedoras do primeiro dia foram Black Mamba, Feed Blinders, Impact e-sports, Inquisition e-sports, Harem do Lang e Oh My God.

A fase de grupos termina no dia 1 de agosto. A semifinal está marcada para o dia 8 de agosto e a final será decidida no dia 15 do mesmo mês.

São 12 equipes inscritas, dividas em três grupos. Há participantes de outras cidades da região, mas os capitães das equipes precisam ser moradores de Cachoeiro.

Os jogadores que conquistarem o 1º e o 2º lugares no campeonato e o melhor jogador, escolhido pelos narradores do torneio, ganharão troféus.

Para assistir à competição em tempo real, basta acessar o site twitch.com/semespcachoeiro, a partir das 13h. Em média, são seis jogos por dia.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana