conecte-se conosco

Polícia

Polícia prende assassino de Thamires Lorençoni por acaso em Cachoeiro

Publicado

Wilson Roberto Barcelos Gomes, conhecido como “Negão Chaquila“, apontado como o executor da jovem agricultora Thamires Lorençoni, de 26 anos, no dia 30 de novembro de 2019, na zona rural de Vargem Alta, foi preso em uma casa em Cachoeiro de Itapemirim na tarde do último sábado (27), após seu irmão, que também tinha mandado de prisão em aberto, ser abordado em uma blitz de trânsito.

A Polícia Militar (PM) chegou até Wilson por acaso, após seu irmão e sua cunhada terem a moto parada em uma blitz na Avenida Beira Rio. Durante a abordagem, os policiais descobriram que o homem tinha mandado de prisão em aberto e era irmão do assassino de Thamires Lorençoni, foragido da justiça desde que teve seu mandado de prisão expedido em 12 de dezembro de 2019.

O Caso Thamires

Após investigação, a polícia desvendou o caso do assassinato da jovem Thamires durante um suposto assalto na ES – 164, na localidade de Gávea, em Vargem Alta. Segundo a polícia, o crime foi bem mais do que um roubo que acabou em tragédia. As investigações mostraram que a trama parecia roteiro de novela, envolvendo família, traição, dinheiro e paixão.

De acordo com as investigações, Wilson Roberto, conhecido como “Negão Chaquila”, foi contratado pela madrasta do marido de Thamires e sua filha, Sulamita Almeida e Flávia Almeida, para “dar um susto” em Thamires, que acabou morta a tiros durante a ação.

Flávia era amante do marido de Thamires, Gedson Thomazini, e sentia ciúmes da jovem. Mãe e filha foram presas em dezembro de 2019.

Relembre todo o caso nos links e vídeo abaixo: 

VÍDEO: Câmera registra momento em que agricultora é abordada por assassinos em Vargem Alta

Assassinato de agricultora é desvendado e mandantes do crime são presas em Vargem Alta

Caso Thamires – Pistoleiros receberam R$ 1.500 para matar agricultora

Caso Thamires: polícia divulga foto do acusado e pede que população o denuncie

Caso Thamires: Filha da madrasta mantinha caso com o marido da vítima

Caso Thamires: Pistoleiro é primo do cunhado da vítima

Caso Thamires: investigação concluída e inquérito encaminhado à Justiça

Veja vídeo do momento em que o caminhão onde a vítima estava foi abordado pelo assassino:

Com informações Da Hora ES

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Homem é detido com maconha e LSD em praia de Itapemirim

Publicado

 

.

Na madrugada deste domingo (26), policiais militares da 9° Companhia Independente receberam a informação de que um indivíduo estaria comercializando drogas na orla de Itaóca, no município de Itapemirim.

O indivíduo foi localizado e abordado. Com ele foi encontrado uma bucha de substância similar a “maconha”, onze unidades de substância similar a “LSD”, um aparelho de celular e um quantia de R$ 302,00.

O detido e o material ilícito foram encaminhados à Delegacia de Polícia de Itapemirim para as devidas providências.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana