conecte-se conosco

Mundo

Policial é demitido por realizar ato sexual na frente de mãe e filha

Publicado


source
Policial Indiano
Reprodução

Depois do caso, o inspetor Bhishmpal Singh Yadav foi preso.

Um policial identificado como Bhishmpal Singh Yadav foi demitido e preso por realizar um ato sexual enquanto atendia uma mulher e sua filha. O caso aconteceu em uma delegacia na Índia no dia 22 de junho.

Segundo o jornal britânico Mirror , Yadav estava atendendo um caso de disputa de terras quando começou a se tocar na frente da a mulher e de sua filha. Ele foi demitido, preso e acusado de voyeurismo. 

De acordo com o jornal Times Of India , a filha da mulher registrou o policial cometendo o ato sexual e postou o vídeo nas redes sociais. O registro viralizou e os internautas pediram medidas contra o policial. 

Ainda segundo o Mirror , Prashant Kumar, diretor geral adicional de lei e ordem de Uttar Pradesh – local onde o caso aconteceu – confirmou a demissão dias depois. “O inspetor da polícia que se entregou a um comportamento pervertido diante de uma queixosa dentro de uma delegacia de polícia de Deoria foi demitido”. 

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
publicidade

Mundo

Manifestantes negros pedem justiça por Breonna Taylor com fuzis e espingardas

Publicado


source
militantes com roupas paramilitares e armas em escadaria
reprodução/ABC News

Protesto aconteceu em Louisville, no estado do Kentucky

Um grupo de manifestantes negros participou de um ato na tarde de sábado (25), em Louisville, Kentucky. Fortemente armado, o grupo cobra justiça pela morte da técnica em medicina Breonna Taylor, assassinada em março deste ano. 

Chamada NFAC (not fucking around coalition), a organização incluiu dezenas de pessoas pessoas vestidas com uniformes paramilitares, além de fuzis e espingardas semiautomáticas. Em determinado trecho, um disparo acidental de uma das armas causou ferimentos em três pessoas e demandou atendimento médico de urgência.

Ao fim do percurso, o líder da NFAC, John Johnson ,  fez um pequeno discurso no qual cobrou ações efetivas nas investigações sobre a morte de Breonna. “Se vocês não falam nada, pensamos que não estão fazendo nada”, disse o líder, de acordo com o Louisville Courier Journal.

Breonna Taylor foi morta em março deste ano, aos 26 anos, com oito tiros da polícia, que entrou em seu apartamento com mandado de busca para investigação sobre drogas. Nenhuma droga foi encontrada após a morte de Breonna.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana