conecte-se conosco


Estado

Pregão para concessão dos espaços comerciais do Saldanha da Gama está chegando

Publicados

em

 

O pregão eletrônico para concessão dos espaços de restaurante e cervejaria no Saldanha da Gama: Casa do Turismo Capixaba, em Vitória, será realizado na próxima quarta-feira (08), às 14h. As propostas dos interessados podem ser submetidas até as 13h59 do mesmo dia. Para concorrer, é primordial que estejam inscritos no Cadastro de Fornecedores do Governo do Estado, o que pode ser feito pelo link https://compras.es.gov.br/cadastro-de-fornecedores. É importante que, aqueles que não estejam ainda inscritos neste cadastro, o façam com antecedência para que haja o processamento do cadastramento.

Essa é uma das etapas de uso do prédio histórico, localizado no Centro da Capital, um dos primeiros passos para que o prédio se torne um local de vivência, cultura e lazer para moradores e turistas. O edital de licitação é referente a dois espaços comerciais, sendo um restaurante e uma cervejaria, e pode ser consultado neste link https://bit.ly/3DPAs0r. Para a cervejaria, a exigência principal é a comercialização exclusiva de cervejas artesanais capixabas, possibilitando outras bebidas em caráter complementar. Já o restaurante deverá ter em seu cardápio regular, majoritariamente, a oferta de pratos da culinária típica capixaba e opções de pratos executivos e à la carte.

A secretária de Estado de Turismo, Lenise Loureiro, enfatiza que o diálogo foi fundamental para o lançamento da concorrência. “O edital foi construído também ouvindo os empreendedores locais, para que pudessem contribuir e terem a possibilidade de concorrer no certame. Dessa forma, a versão final foi aprimorada, para que o processo seja transparente e participativo, resultando em uma Casa do Turismo Capixaba que a nossa população e turistas merecem”, disse.

O lance mínimo para cervejaria é de R$ 1.650,00 e para o restaurante R$ 2.500,00. O espaço destinado ao restaurante está localizado no primeiro andar e conta com área de 136,61 metros quadrados, além de área externa elevada de 150 metros quadrados para mesas. Já o espaço que será concedido para cervejaria está localizado no térreo, com área construída de 68,96 metros quadrados e 150 metros quadrados de área externa.

Os dois estabelecimentos deverão manter atendimento em fins de semana, datas festivas e feriados (municipais, estaduais e nacionais), nos períodos diurno e noturno, no mínimo, entre 16h e 21h, e nas quintas e sextas-feiras, em período noturno até, no mínimo, 21 horas.

Nos espaços, serão permitidas apresentações culturais e musicais fora do horário comercial de funcionamento do órgão público instalado no prédio. Os vencedores do pregão terão que disponibilizar aos clientes conexão à internet gratuita, manter cardápio bilíngue e material informativo aos clientes da origem e da história dos produtos e pratos típicos da culinária capixaba comercializados em seus estabelecimentos.

Obras estruturais

Os espaços comerciais serão concedidos nas condições em que se encontram. As adequações da área construída em concessão são necessárias à abertura dos estabelecimentos (revestimento, iluminação, rede elétrica, hidráulica, rede lógica, sistema de ar-condicionado, sistema de combate a incêndio, entre outras, que deverão ser executadas às custas do concessionário, em um prazo de até 120 dias, contados a partir da publicação do contrato no Diário Oficial do Estado.

O valor mensal pelo uso do espaço só será cobrado após início das atividades comerciais. As áreas de carga e descarga, bem como o estacionamento da Casa do Turismo Capixaba, poderão ser utilizadas pelos empresários e seus clientes.

Comentários Facebook
Propaganda

Estado

Estado suspende classificação de risco muito baixo

Publicados

em

 

Em virtude do aumento de casos pela Covid-19 no Espírito Santo, nas primeiras semanas de janeiro de 2022, o Governo do Estado, por meio da Portaria Nº 008-R, publicada no último sábado (15), no Diário Oficial do Estado, suspende o enquadramento dos municípios na classificação de risco muito baixo, na Gestão do Mapa de Risco.

A informação foi divulgada na última sexta-feira (14), pelo governador do Estado, Renato Casagrande, em pronunciamento ao vivo. A suspensão acontece enquanto não ocorrer a redução do número de casos ativos no Estado, conforme critérios epidemiológicos, considerando dados do portal https://coronavírus.es.gov.br.

“Como estamos num processo de ascendência no contágio, estamos suspendendo a classificação do risco muito baixo. Mas isso não é para desincentivar a vacinação, até porque quando a doença voltar a ter queda, voltaremos com a classificação. É bom que os municípios possam vacinar, chegar a esses percentuais, pois isso permitirá, quando estivermos em queda, que tenhamos total liberdade das atividades econômicas e sociais”, destacou o governador, durante a live.

A Portaria ressalta ainda que as medidas qualificadas específicas, correspondentes à classificação de risco muito baixo, continuam a ser aplicadas aos municípios, independentemente dos níveis de risco, como a apresentação do comprovante de esquema vacinal completo contra a Covid-19, para acessar determinados estabelecimentos e atividades e demais medidas disponibilizadas no Anexo I da Portaria N°013-R, de 23 de janeiro.

Mais de 25 mil casos confirmados nos primeiros 14 dias de janeiro

De acordo com os dados do Painel Covid-19, nos primeiros 14 dias de 2022, o Espírito Santo já soma 28.415 casos confirmados da doença em todo o território. Entre a primeira e a segunda semana epidemiológica de 2022, o aumento representa cerca de 85,3% no número de casos.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana