conecte-se conosco


Nacional

‘Queiroga com certeza será reconvocado à CPI’, diz Omar Aziz

Publicados

em


source
 'Queiroga com certeza será reconvocado à CPI', diz Omar Aziz
Reprodução

‘Queiroga com certeza será reconvocado à CPI’, diz Omar Aziz

O senador e presidente da CPI da Covid , Omar Aziz (PSD-AM), se posicionou sobre o depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, como a “grande decepção” da comissão até o momento. Em relação as falas pouco objetivas, Aziz reiterou que Queiroga “com certeza” será reconvocado. As falas foram reproduzidas em uma entrevista no YouTube para o canal do historiador Marco Antônio Villa.

O motivo que levou o presidente da comissão em buscar uma nova audiência para ouvir Queiroga é a constante contradição entre as diretrizes do Ministério da Saúde e as políticas públicas do governo Bolsonaro .

Queiroga declarou inúmeras vezes que não se pronunciaria em seu depoimento pois não havia um protocolo de tratamento para a covid-19 elaborado pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec).

Renan Calheiros declarou no último sábado (08) que a estratégia adotada pelo cardiologista comandante do Ministério da Saúde de não responder objetivamente as perguntas é uma outra maneira de “não falar a verdade”.

Aziz ratificou o posicionamento de Calheiros ao declarar que “a gente perguntava se ele era a favor da cloroquina – e ele não citava a palavra cloroquina, falava em ‘fármacos’ -, ele jogava para a Conitec”.


O presidente da CPI argumentou que o posicionamento de Queiroga visa “não magoar o chefe” e que as contradições existentes dão base para que o ministro seja reconcado”.

Comentários Facebook
Propaganda

Nacional

VÍDEO: Polícia entra em confronto com indígenas que protestavam em Brasília

Publicados

em


source
PM avança contra grupo de indígenas que protestavam em Brasília
Richard Silva/PCdoB na Câmara

PM avança contra grupo de indígenas que protestavam em Brasília

Manifestantes indígenas entraram em confronto com a Polícia Militar nesta terça-feira (22) em frente a Câmara dos Deputados, em Brasília.

Segundo informações do Portal Metrópoles, um policial da Câmara foi atingido por uma flecha e teve de ser levado a uma unidade de saúde. 

Em imagens divulgadas pelas redes sociais, é possível ver grande correria do grupo indígena, com a tropa de choque da Polícia reprimindo a manifestação com bombas de gás lacrimogêneo. Há relatos de feridos.

Assista aos vídeos:

 Os indígenas protestam contra o projeto de lei 490 , que “determina que as terras indígenas sejam demarcadas por meio de leis”, e no momento, está na pauta de votações da Comissão de Constituição e Justiça ( CCJ ).

Todavia, lideranças indígenas são contra o projeto, e acusam de ser inconstitucional e uma tentativa da bancada ruralista avançar com a mineração nos locais da floresta amazônica.

Devido aos eventos ocorridos desta terça (22), a sessão da CCJ foi encerrada e a proposta não será votada.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana