conecte-se conosco

Cidades

Santa Casa de Cachoeiro registra queda no número de acidentes com moto

Publicado

No Dia do Motociclista, comemorado nesta segunda-feira (27), a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim fez um levantamento que revela uma queda no número de atendimentos a pacientes vítimas de acidentes com moto nos seis primeiros meses deste ano.

De acordo com dados estatísticos do hospital, de janeiro a junho de 2020 foram contabilizadas 572 ocorrências envolvendo motociclistas. O número é menor que o registrado no mesmo período do ano passado, quando foram feitos 750 atendimentos. Uma diferença de 178 casos.

Já o número de vítimas dessas colisões também é menor este ano. Em 2020 foram 578 pessoas atendidas na Santa Casa contra 794 do mesmo período de 2019.

Outro dado que também aponta queda é o número de mortes causadas por esse tipo de acidente. De acordo com o levantamento, foram 16 óbitos de janeiro a junho de 2019 contra 11 no mesmo período de 2020.

Em todo o ano de 2019, foram 1.527 acidentes com motos registrados no hospital com 28 mortes.

Embora aponte para uma queda, os números ainda são considerados altos e não há motivos para comemorar. O coordenador do setor de ortopedia da Santa Casa, Lorran Coque Fonseca, lembrou que a instituição é uma referência em trauma no Sul do Estado e, mesmo diante da pandemia, não deixou de atender pacientes vítimas de acidentes.

“Realmente houve uma diminuição e isso deve-se ao isolamento social que foi respeitado na região. Mas quero sinalizar que esse número está  em alta novamente, principalmente pelo aumento de mais veículos nas ruas”, afirmou.

E concluiu: “Apesar desse número ter regredido em 2020, a gravidade desses acidentes foi bem maior”.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Covid-19: Bom Jesus investiga duas morte e UTI não tem vagas

Publicado

 

A Secretaria de Saúde de Bom Jesus do Itabapoana (RJ) informou nesta terça-feira (28/07) que passou a investigar a possibilidade de duas mortes terem sido causadas pela Covid-19. Se houver confirmação, os óbitos no município chegarão a 17.

Conforme o último boletim, a cidade chegou a 618 casos confirmados da doença. A quantidade de pessoas curadas subiu para 363. Já o número de pacientes monitorados caiu para 240.

A UTI do Hospital São Vicente de Paulo (única do município) mais uma vez está com 100% dos 22 leitos para tratar coronavírus ocupados. Na enfermaria, onde ficam pacientes menos graves, existem agora 28 vagas.

O bairro Pimentel Marques segue com o maior número de infectados, com 125. Em seguida vêm o Centro da cidade, que manteve 101 casos, e o Lia Márcia, que passou para 78 registros positivos.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana