conecte-se conosco


Polícia

Suspeito de aplicar golpes em locadoras de veículos é preso em Vitória

Publicados

em

A equipe da Divisão Especializada de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio (DRCCP) prendeu um homem de 26 anos suspeito de fazer parte de uma associação criminosa que aplicava golpes em locadoras de veículos. A prisão aconteceu na última quinta-feira (05), em Vitória. Os detalhes da prisão foram apresentados em entrevista coletiva, nessa terça-feira (5), na Chefatura da Polícia Civil.

As investigações da DRCCP indicaram que uma única locadora teve um prejuízo estimado em mais de R$ 100 mil. De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda, existe a possibilidade de outros estabelecimentos capixabas terem sido vítimas do mesmo golpe. “As investigações sobre o caso continuarão, a fim de identificar possíveis receptadores que dos carros e também os responsáveis por falsificar os documentos”, afirmou.

Segundo a investigação, o detido atuava junto com um comparsa. Os dois vinham de Minas Gerais e utilizavam documentos falsos para alugar veículos, desaparecendo em seguida, sem devolver os carros. Em apenas dois dias, os suspeitos alugaram três veículos, avaliados em torno de R$ 50 a R$ 60 mil cada. Após a locação dos veículos, os homens sumiram.

O suspeito de 26 anos foi preso quando estava dentro de um veículo já alugado pelos indivíduos. Ele já estava sendo monitorado quando os policiais interceptaram o carro, em Vitória. O segundo suspeito também estava no veículo e conseguiu fugir, mas já foi identificado e será indiciado. Dos três carros que foram subtraídos, um foi recuperado.

Modus operandi

O titular da DRCCP, delegado Gabriel Monteiro, explicou como os investigados agiam. “Com uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou Registro Geral (RG) muito bem falsificado, o criminoso pega a sua própria fotografia e com os dados de outra pessoa, produzia os documentos. Isso induzia os comerciantes ao erro e ainda poderia prejudicar até pessoas de bem que tinham seus nomes usados nesses documentos falsos”, disse.

O responsável pelas investigações contou ainda que o detido e o comparsa que fugiu fazem parte de uma rede criminosa, que também faz vítimas em outros Estados. “Eles praticavam o crime, aqui no Espírito Santo, e levavam esses veículos alugados para a Bahia e para o Estado de São Paulo. Quando não cometiam os crimes aqui, eles cometiam na Bahia e levavam os carros para o Espírito Santo ou para São Paulo”, informou Gabriel Monteiro.

Durante as diligencias foram apreendidos três documentos com a foto do detido, mas com nomes diferentes. Uma ação conjunta entre as Polícias Civis do Espírito Santo, Minas Gerais e Bahia será desenvolvida para apurar informações sobre outros envolvidos na rede criminosa.

Comentários Facebook
Propaganda

Polícia

2ª CIA IND promove treinamento físico militar em Venda Nova do Imigrante

Publicados

em


Seguindo com o projeto que busca melhorar o condicionamento físico e o bem-estar dos policiais militares que atuam na 2ª Cia Independente, na manhã desta quarta-feira (27), a Unidade realizou um Treinamento Físico Militar (TFM), no município de Venda Nova do Imigrante.

Durante a instrução, os militares fizeram uma caminhada até morro do Cruzeiro, localizado em Caxixe, zona rural do município. O treinamento contou com o efetivo administrativo da Unidade.

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da PMES:
Tenente-coronel ANDERSON LOUREIRO BARBOZA
Tels. (27) 3636-8717 / 3636-8718
E-mail: [email protected]

Subseção de Jornalismo PMES:
Tel. (27) 3636-8715
E-mail: [email protected]

Fonte: PM ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana