conecte-se conosco


Estado

Temporada das baleias-jubarte: gigantes dos oceanos já estão na costa capixaba

Publicados

em

Baleia Jubarte saltando em mar aberto no litoral capixaba.

Todos os anos, entre junho e novembro, grupos de baleias-jubarte deixam as águas congelantes da Antártida rumo às águas amenas do litoral do Espírito Santo, para fins reprodutivos. O mais recente cruzeiro de pesquisa na costa de Vitória, realizado pelo Projeto Baleia Jubarte, no último dia 16, constatou a maior quantidade de grupos de baleias da temporada reprodutiva de 2022. De acordo com o coordenador do Projeto, Paulo Rodrigues, o resultado da excursão de monitoramento da distribuição e comportamento das jubartes indica a possibilidade de realização de cruzeiros turísticos de observação de baleias.

“Dez baleias foram monitoradas somente no trecho de mar em frente à Vitória, além da ocorrência de outros grupos no entorno e outras duas espécies de golfinhos”, conta Paulo.

O turismo de observação de Baleias e Golfinhos, ou whale watching, que a cada ano vem ganhando força no Espírito Santo é praticado em mais de 100 países e territórios. “No ano de 2021, as operadoras de turismo levaram mais de 1.100 visitantes durante toda a temporada para visitarem as baleias. Esse ano realizamos em conjunto com o Instituto Amigos da Baleia Jubarte diversas atividades de capacitação, acompanhamento, parcerias e promoção, com os agentes de viagens que trabalham com o whale watching em Vitória e no Espírito Santo, com o objetivo de dobramos o público atendido. Essas ações irão servir de ferramenta para conseguirmos realizar um turismo de conservação, de forma sustentável”, explicou Evandro Figueiredo, diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Vitória.

Para conferir as operadoras de turismo parceiras basta acessar a página do Projeto.

Conheça

Espaço Baleia Jubarte – Foto: Leonardo Silveira

Para quem deseja conhecer mais sobre as baleias e o trabalho de preservação da vida marinha desenvolvido pelo Projeto, é possível fazer uma visita ao Espaço Baleia Jubarte, localizado em Vitória.

A visita monitorada pode ser realizada de terça a domingo, das 9h às 17h. A visita guiada é gratuita para escolas públicas, devendo ser agendada previamente junto à administração do Projeto.

Onde fica: Praça do Papa, s/n – Enseada do Suá
Aberto: Terça a domingo, das 09h às 17h
Contato: (27) 9 8825 0440 | 3022 6691 [email protected]
Ingresso: R$ 10

Sobre o Projeto Baleia Jubarte

Atuando há mais de 30 anos na pesquisa e conservação das Baleias Jubarte e do ambiente marinho, no Brasil, o Projeto Baleia Jubarte, patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, integra a Rede BIOMAR juntamente com outros projetos patrocinados pela empresa (Projeto Albatroz, Coral Vivo, Golfinho Rotador e Meros do Brasil), que atuam de forma integrada na conservação da biodiversidade marinha do Brasil.

O Projeto Baleia Jubarte é realizado pelo Instituto Baleia Jubarte a partir de suas sedes na Praia do Forte e em Caravelas, localizadas na Bahia; e em Vitória, no Espírito Santo. Por meio deste projeto são realizadas ações de pesquisa científica, turismo responsável, ações de educação ambiental, bem como atividades de conservação que tem contribuído para o sucesso da recuperação da população de Jubartes do Atlântico Sul Ocidental. Mais informações sobre as atividades podem ser obtidas em www.facebook.com/projetobaleiajubarte, www.instagram.com/projetobaleiajubarte e em www.baleiajubarte.org.br.

Comentários Facebook
Propaganda

Estado

Últimos dias para concorrer a uma vaga de Agente Local de Inovação

Publicados

em

Por

O encerramento do edital é no dia 29 de junho. O Sebrae/ES vai selecionar 50 vagas imediatas

Esta é a última oportunidade para que pessoas interessadas em participarem deste edital de Agente Local de Inovação concorram a uma vaga, com bolsas de até R$ 5 mil. Ao todo, são 50 vagas imediatas para atuarem junto a micro e pequenas empresas nas áreas de Produtividade, Transformação Digital, Rural, e na articulação e apoio dos Ecossistemas de Inovação e Indicação Geográfica.

O Natan Sarria, atuou como ALI de Produtividade em 2021 e compartilha a experiência de assumir esta função. “O ALI é o responsável por aplicar uma metodologia que tem como objetivo melhorar a produtividade das empresas e reduzir o custo delas. Então essas micro e pequenas empresas que buscam se destacar no mercado terão vocês com um ponto de apoio responsável por organizar as atividades desses gestores que acabarem se inscrevendo no programa”, conta.

Segundo ele, esta é uma oportunidade de fortalecer o networking e ampliar a rede de conhecimentos. “Eu entendo que o maior benefício, além da bolsa, é o contato com essas empresas e a compreensão das reais necessidades e problemas desses pequenos empreendimentos. Então, para quem quer empreender ou expandir sua rede de contatos, vale a pena aproveitar essa oportunidade”, orienta o ex ALI.

As inscrições ficam abertas até o dia 29 de junho. Para se inscrever, basta acessar: bit.ly/ALI_2022. No mesmo link, o candidato pode ter acesso a todas as informações do edital. As capacitações começam logo após a seleção dos agentes.

Vagas

Ao todo, são 50 vagas imediatas para Agentes Locais de Inovação (ALI), sendo 10 delas para graduandos, com remuneração de até R$ 1.500 mil, e as demais para profissionais com ensino superior completo e pelo menos 6 meses de experiência na área desejada, com remuneração de até R$ 5 mil. Além disso, também serão selecionadas outras 113 vagas para cadastro de reserva.

“Esta é a primeira vez que novas áreas de atuação, além da produtividade, são inseridas em processos seletivos de Agentes Locais de Inovação para o Espírito Santo. Os profissionais selecionados vão atuar em diferentes regiões do estado e alguns dos projetos têm como objetivo serem facilitadores da implantação da inovação nos pequenos negócios atendidos, e outros têm objetivo de apoiar os ecossistemas de inovação e o desenvolvimento das Indicações Geográficas selecionadas”, ressalta a analista do Sebrae/ES, Carine Thomazi.

Seleção

Os candidatos à ALI passarão por três etapas de seleção: avaliação de conhecimento, análise curricular e documental e avaliação de habilidades e perfil. Todo o processo acontecerá de maneira remota.

Os agentes selecionados para vagas imediatas, se tornarão bolsistas do Sebrae, serão capacitados e atuarão em campo, acompanhando um conjunto de empresas com a função de propor melhorias e oferecer respostas às demandas do negócio.

Programa Agentes Locais de Inovação

O programa Agente Local de Inovação (ALI) é uma iniciativa do Sebrae que tem o objetivo de promover a prática continuada de ações de inovação junto às micro e pequenas empresas, por meio de orientação proativa, gratuita e personalizada.

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana