conecte-se conosco


Esporte

Tricolor empata com o Ceará na reestreia de Ceni

Publicados

em


Na reestreia do técnico Rogério Ceni no comando time após quatro anos, o São Paulo empatou com o Ceará em 1 a 1 na noite desta quinta-feira (14), no Morumbi, em duelo válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2021.

> FOTOS DO JOGO

O gol são-paulino foi marcado por Calleri. Com o resultado, o Tricolor se manteve na 13ª colocação, agora com 31 pontos. Na sequência do torneio, a equipe são-paulina terá o clássico contra o Corinthians que está agendado para a próxima segunda-feira (18), às 20h, no Estádio Cícero Pompeu de Toledo.

Para encarar os cearenses, o time não contou com Igor Vinícius (aprimora a forma física após trauma no olho esquerdo), William (artroscopia no joelho), Luan (avulsão tendínea de adutor da coxa esquerda), Galeano (trauma no tornozelo direito) e Rigoni (pequeno estiramento no músculo posterior da coxa esquerda), além de Arboleda (Seleção Equatoriana).

Então, o treinador são-paulino escalou a equipe com Tiago Volpi; Orejuela, Miranda, Léo e Reinaldo; Liziero, Igor Gomes, Gabriel Sara e Benitez; Luciano e Calleri.

O Tricolor começou bem a partida e criou duas oportunidades logo no início do primeiro tempo, ambas com Igor Gomes em chutes de fora da área: a primeira parou no goleiro Richard e a segunda na trave.

O São Paulo era superior quando sofreu o gol dos visitantes, aos 22, marcado por Fabinho: 1 a 0. O tento do adversário, no entanto, não diminuiu a intensidade dos paulistas. O Tricolor pressionou bastante, chegou com perigo diversas vezes e carimbou a trave mais uma vez antes do intervalo – desta vez com Luciano.

Na etapa complementar, os anfitriões mantiveram a pressão e empataram logo aos seis minutos: Orejuela cruzou na área, a zaga não conseguiu cortar e a bola ficou com Calleri, que finalizou rasteiro. O arqueiro espalmou, e o argentino aproveitou o rebote! 1 a 1!

Contagiado pela torcida nas arquibancadas e pelo gol, o time são-paulino seguiu presente no campo de ataque e buscou a virada até o apito final. Porém, apesar de insistência são-paulina, o placar não foi alterado novamente: 1 a 1.

SÃO PAULO 1 x 1 CEARÁ

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 14/10/2021 (quinta-feira)
Público pagante: 9.271 torcedores
Renda: R$ 333.135,00
Gols: Fabinho (22/1T) e Calleri (6/2T)
Cartões amarelos: Orejuela, Miranda e Calleri (SPFC) Richard, Fabinho e William Oliveira (Ceará)

Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG)
Quarto Árbitro: João Vitor Gobi (SP)
Analista de Campo: Marcio Verri Brandao (SP)
Árbitro de Vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
AVAR: Frederico Soares Vilarinho (MG)
Observador de VAR: Paulo Jorge Alves (RJ)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Orejuela (Welington, 12/2T), Miranda, Léo e Reinaldo (Nestor, 41/2T); Liziero, Igor Gomes (Vitor Bueno, 33/2T), Gabriel Sara e Benitez (Eder, 41/2T); Luciano (Marquinhos, 33/2T) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.

CEARÁ: Richard; Igor, Messias (Luiz Otávio), Gabriel Lacerda e Bruno Pacheco; Fabinho (William Oliveira), Marlon e Vina; Mendoza (Erick), Cléber (Jael) e Kelvyn (Fernando Sobral). Técnico: Tiago Nunes.

fonte:http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/campeonato-brasileiro/2021/10/14/tricolor-empata-com-o-ceara-na-reestreia-de-ceni

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Propaganda

Esporte

Atlético-GO marca no fim e vence o Bahia em confronto direto da parte baixa da tabela

Publicados

em


Em jogo válido pela 35ª rodada, Dragão faz 2 a 1 no Tricolor, com o gol da vitória marcado por Janderson aos 48 da segunda etapa, e volta a vencer na Série A após sete jogos

foto: flickr atetico

O fim do jejum do Atlético-GO no Brasileirão Assaí foi com muita emoção. O Dragão bateu o Bahia por 2 a 1, nesta segunda-feira (29), jogando no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia. Marlon Freitas e Janderson – esse nos acréscimos – marcaram os gols do Rubro-Negro, enquanto Rodallega assinalou para o Tricolor em jogo válido pela 35ª rodada.

A vitória no confronto direto faz com que o Atlético-GO chegue aos 44 pontos e assuma a 13ª colocação. Já o Bahia fica em 16º, somando 40 pontos.

+Confira a tabela do Brasileirão Assaí!

O jogo

O primeiro tempo em Goiânia foi de muita intensidade física, com as duas equipes lutando pelos espaços, mas sem muitas oportunidades de gol. Os dois times dividiram a posse de bola e o número de finalizações.

A melhor chance do Dragão foi aos 15 minutos, quando João Paulo serviu André Luís pelo lado direito, o meia finalizou duas vezes e o goleiro Danilo Fernandes apareceu para fazer uma grande defesa e evitar o gol. Já o Tricolor teve seu melhor lance no primeiro tempo com Gilberto: aos 32, o centroavante foi lançado em profundidade, chutou forte, mas a bola foi por cima.

O ritmo no segundo tempo se manteve, porém, com melhor aproveitamento nas finalizações. Logo nos primeiros segundos, Ronald acertou a rede do Bahia pelo lado de fora. E quando o relógio marcava 13 minutos, Marlon Freitas, de pênalti, abriu o placar para o time rubro-negro.

O Tricolor, em desvantagem, aumentou seu volume ofensivo e aos 25, após um cruzamento desviado na defesa, Rossi lutou pela posse na área e a bola sobrou limpa para Rodallega, que chutou firme e deixou o placar empatado.

As duas equipes seguiram atacando e criando oportunidades de gol. Até que aos 48, em transição rápida, Lucão ajeitou para Janderson pelo lado direito, o atacante avançou e soltou um foguete para estufar as redes do Bahia e definir o placar. No fim, o Tricolor ainda perdeu Juninho Capixaba, expulso.

Fonte: https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/competicoes/campeonato-brasileiro-serie-a-jogos/2021-42-1-350

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana