conecte-se conosco


Carros

Triumph Scrambler 1200 ganha edição especial Bond Edition

Publicados

em


source
Triumph
Divulgação

Triumph Scrambler James Bond eleva a sua já elevada personalidade a níveis de uma atiradora de elite

A Triumph acaba de anunciar o lançamento mundial da Scrambler 1200 Bond Edition. O modelo tem acabamento especial inspirado no filme “007 – Sem tempo para morrer” e é limitado a apenas 250 unidades. No Reino Unido, custa a partir de 18.500 libras, o equivalente a cerca de R$ 125 mil em conversão direta. No trailer do novo filme do espião, é possível ver cenas nas quais motos da marca montadora são utilizadas nas famosas perseguições. Por conta da pandemia, o filme foi adiado para estrear em novembro.

LEIA MAIS: Nova Triumph Street Scrambler 1200 XE acaba de chegar ao Brasil

Para fazer a Bond Edition, a Triumph utilizou como base a topo de linha Scrambler 1200 XE , mas deu detalhes exclusivos para o modelo. Entre eles, logos 007 no escapamento e abaixo do painel, assento de couro estilizado inspirado na franquia, pintura inspirada nas motos do filme, numeração para cada uma das 250 unidades.

LEIA MAIS: Divirtam-se, reconhecendo as motocicletas do cinema

Apesar de seu estilo que remete às motos retrô com aptidão também para andar na terra, a Triumph Bond edition também traz um amplo pacote tecnológico. A moto conta com 6 modos de pilotagem, além de freios ABS e controle de tração. O sistema de freios, inclusive, tem ABS avançado com atuação também nas curvas. Seu motor, de 3 cilindros e 1.200 cc, é capaz de gerar 89 cv e 11,21 kgfm.

LEIA MAIS: Teste da Triumph Street Scrambler, para enfrentar trilhas urbanas

Entre outros equipamentos, a Triumph dispõe de painel TFT, ABS (com atuação em curvas), controle de tração, iluminação de LED, luz diurna de LED, embreagem assistida, chave presencial, manoplas aquecidas, controle de velocidade de cruzeiro e entrada USB. Além disso, o painel conta com um sistema de navegação desenvolvido pelo Google. Ele traz conectividade com aparelhos Android e iOS, onde um aplicativo da montadora pode ser baixado.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Propaganda

Carros

Novo DeLorean DMC-12 deverá ser lançado como elétrico

Publicados

em


source
De Lorean DMC-12: imagem mostra apenas a silhueta do icônico modelo com portas abertas para cima
Divulgação

De Lorean DMC-12: imagem mostra apenas a silhueta do icônico modelo com portas abertas para cima

A volta do icônico DeLorean DMC-12 está sendo ensaiada desde o ano passado, quando chegaram a anunciar que 325 unidades seriam fabricadas nos mesmos moldes do modelo original dos anos 80, mas com uma série de melhorias, inclusive motor de 350 cv no lugar do antiquado V6, de apenas 130 cv.

Até sistema multimídia com GPS, aquecimento dos bancos, entre outros itens seriam incluídos nessa nova leva renovada do modelo idealizado por idealizado por John De Lorean , um ex-funcionário da GM que teve uma vida conturbada e faleceu em março de 2005.

Mas agora aparece outra história. O carro não tem mais data para reaparecer e será elétrico , de acordo com o que foi divulgado pelos atuais donos da marca, segundo os quais as réplicas tiveram problemas com as normas de emissões.

Você viu?

Movido apenas a eletricidade, não haverá nenhum risco do carro esbarrar nas cada vez mais rígidas normas antipoluentes que vêm sendo adotadas em vários países da Europa, nos EUA, Japão, entre outros. Porém, essa mudança vai exigir um projeto totalmente novo e, por isso, ainda não há data da estreia do novo De Lorean DMC-12 , imortalizado pela franquia “De Volta para o Futuro”.

DeLorean DMC-12 deveria ter tido réplicas fabricadas em 2021, mas esbarraram nas leis de emissões
Divulgação

DeLorean DMC-12 deveria ter tido réplicas fabricadas em 2021, mas esbarraram nas leis de emissões

A versão original foi desenhada pelo renomado designer Giorgetto Giugiaro , no final dos anos 70, para o carro ser lançado em 1981. Vinha com portas abertas para cima, carroceria de aço inoxidável (o que a tornava difícil de ser lavada) e desempenho fraco que não condizia com o visual futurístico. Apenas 9 mil unidades foram fabricadas até 1983, o que também o torna um dos clássicos mais valorizados hoje em dia.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana