conecte-se conosco

Mundo

Trump será defendido por acusador de relações entre Clinton e Monica Lewinsky

Publicado

source
Bill Clinton, ex-presidente dos Estados Unidos arrow-options
Gage Skidmore/Creative Commons

Bill Clinton, ex-presidente dos Estados Unidos

Um dos integrantes da equipe de defesa do presidente dos Estados Unidos , Donald Trump , contra as acusações de impeachment será o advogado Kenneth Starr, que foi o responsável pelas acusações contra o ex-presidente Bill Clinton por relações sexuais com a ex-estagiária da Casa Branca Monica Lewinsky . O caso ocorreu em 1988 e resultou em outro processo de impeachment contra Clinton na Câmara dos Representantes.

Segundo informações da imprensa americana, os advogados Alan Dershowitz e Robert Ray, que sucedeu Starr como promotor independente e redigiu o relatório final sobre Clinton, também vão integrar a defesa de Trump.

Leia também: Senado dos EUA recebe impeachment de Trump: entenda como ocorre o processo

No Twitter, Lewinsky fez um comentário sobre a escolha de Starr para fazer a defesa de Trump. “Este é definitivamente um ‘você está brincando comigo?’ tipo de dia”, escreveu.

Trump é o terceiro presidente da história dos Estados Unidos a sofrer impeachment na Câmara e o primeiro a passar pelo processo enquanto luta pela reeleição ao cargo. Além dele, Andrew Johnson e Bill Clinton tiveram processos de impeachment aprovados pela Câmara, mas ambos foram absolvidos pelo Senado e não perderam o cargo.

Leia também: EUA admitem que 11 militares americanos ficaram feridos em ataques do Irã

Ele é acusado de abuso de poder e obstrução do Congresso no caso de ele ter pedido à Ucrânia que investigasse Joe Biden, potencial rival dele na disputa pela presidência.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
publicidade

Mundo

Ao tentar provar que Terra é plana em experimento com foguete, aventureiro morre

Publicado

source
terra plana arrow-options
reprodução / Twitter

Experimento aconteceu na Califórnia

Um aventureiro norte-americano morreu neste sábado (22) no deserto da Califórnia, nos Estados Unidos, durante o teste de um foguete caseiro construído por ele para tentar provar a teoria de que a Terra é plana .

Leia mais: Ao menos cinco pessoas foram vítimas de agulhadas no carnaval de Olinda

Michael “Mad Mike” Hughes, de 64 anos, planejava tirar fotos da terra do foguete que construiu. A construção e lançamento faziam parte de um reality show do canal US Science Channel, do grupo Discovery.

Os foguetes desenvolvidos por Hugues buscavam atingir altura suficiente para tentar desacreditar cientistas e “provar” que o planeta Terra não é redondo. A ideia era que atingisse 5 mil pés (cerca de 1,5km), mas caiu antes disso. Em março de 2019, Hughes já tinha realizado um voo em foguete caseiro. Ele conseguiu alcançar 570 metros de altura, antes de disparar o paraquedas e pousar.

Leia também: Fotógrafa submarina é atingida por hélice de barco em Noronha

“As nossas orações e pensamento estão com a família e amigos durante este momento difícil. Sempre foi o sonho dele fazer este lançamento e o Science Channel estava lá para documentar a sua viagem”, informou o Discovery em comunicado no Twitter.

O lançamento e a queda fatal foram registrados em vídeo e divulgado nas redes sociais.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana