conecte-se conosco

Estado

Verão se aproxima e cuidados com a dengue devem ser redobrados

Publicado

O verão começa no próximo dia 22 de dezembro e, com ele, o período que associa temperaturas elevadas e chuvas recorrentes torna-se uma combinação perfeita para o aumento da incidência de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, chikungunya e zika. Por isso, é necessário que as pessoas se mantenham atentas aos criadouros do mosquito.

Para eliminar o vetor, a população deve manter os quintais sempre varridos, verificar se todas as garrafas vazias estão de cabeça para baixo, escovar as bordas das vasilhas de água e comida de animais, além de verificar se as caixas d’água estão limpas e vedadas.

Veja aqui o 49º boletim da dengue.

Veja aqui o 49º boletim de zika.

Veja aqui o 49º boletim chikungunya.

Este ano, até o dia 07 de dezembro de 2019, o Espírito Santo notificou 78.022 casos de dengue. Nesse período, a taxa de incidência da doença no Estado ficou em 1.964,11, por 100 mil habitantes.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sesa
Syria Luppi / Kárita Iana / Paula Lima / Luciana Almeida / Thaísa Côrtes
(27) 3347-5642 / 3347-5643
[email protected]

Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
publicidade

Estado

Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho: hospitais da rede promovem ações

Publicado

 

.

No Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho, comemorado nesta segunda-feira (27), o Hospital Estadual Infantil e Maternidade Dr. Alzir Bernardino Alves (Himaba), em Vila Velha, administrado pelo Instituto Gnosis, e o Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), gerenciado pela Pró-Saúde, em Vitória, realizaram atividades para promover a cultura de segurança dentro do ambiente de trabalho.

No Himaba, a equipe do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (Sesmt) abordou os profissionais para refletir sobre o papel de cada um na prevenção de acidentes. Com um mural montado próximo à área verde, os servidores puderam escrever uma mensagem respondendo à pergunta “O que eu faço para o Himaba ser campeão em prevenção de acidentes?”. A ação também contou com orientações sobre distanciamento, além da higienização das mãos e das canetas com álcool.

A técnica de Segurança do Trabalho Dayane Gomes da Cunha faz parte da equipe do Sesmt e falou sobre o objetivo da atividade. “Nossa intenção é fazer com que os trabalhadores reflitam sobre a prevenção de acidentes, se conscientizem e façam com que todos entendam que a prevenção não é só responsabilidade do empregador. Não basta só a empresa agir. Estamos trazendo a reflexão de que o colaborador também é responsável para que a gente possa evitar acidentes”, afirmou.

No Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), o Sesmt da unidade, em parceria com a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) realiza uma ação educativa, que teve início na segunda-feira (27) e ocorre até esta terça-feira (28), com o tema: “Antes cautela do que arrependimento: prevenir é o melhor remédio”.

Para destacar a importância da cultura de segurança dentro do ambiente de trabalho, os organizadores estão distribuindo um panfleto denominado “As 10 regras de Ouro da Segurança no Ambiente de Trabalho”, com orientações para os profissionais durante a realização das suas atividades no Hospital Estadual de Urgência e Emergência. “A ação vem reforçar as orientações que são realizadas diariamente, sobre a importância do uso do equipamento de proteção individual (EPI) e outras medidas no ambiente de trabalho, que visam à prevenção de acidentes de trabalho”, destacou o técnico em Segurança do Trabalho e presidente da Cipa, Willians de Jesus.

Em ambas as unidades os profissionais reforçaram aos trabalhadores as orientações sobre a higienização das mãos, antes e depois de qualquer procedimento realizado dentro da unidade hospitalar, bem como orientações do uso correto dos Equipamentos de Proteção Individuais (EPI’s).

As 10 regras de Ouro da Segurança no Ambiente de Trabalho

1-      Use os EPIs de forma adequada;
2-      Higienize as mãos;
3-      Descarte os resíduos corretamente;
4-      Atenção ao manuseio dos perfurocortantes;
5-      Ande, não corra;
6-      Use calçado apropriado e não use adornos;
7-      Respeite as sinalizações de segurança;
8-      Adote postura correta;
9-      Comunique as ocorrências no trabalho imediatamente;
10-    Na dúvida, pergunte.

 Fonte: Governo ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana