conecte-se conosco

Cidades

Vídeos: caminhão quebra, abre um buraco no asfalto e provoca o caos no trânsito de Cachoeiro

Publicado

O caos tomou conta das principais vias de Cachoeiro de Itapemirim no início da noite desta terça-feira (15), após um caminhão carregado com chapas de granito quebrar e o asfalto ceder abaixo dele, na Avenida Jones dos Santos Neves, no bairro Otton Marins.

O trânsito deu um nó:

Os cachoeirenses que voltavam para casa ao fim do dia tiveram que ter paciência e encarar as principais ruas e avenidas da cidade completamente paradas ou extremamente lentas, como mostram diversos registros feitos por motoristas e moradores. (Vídeos abaixo)

Por volta das 19 horas, a cidade contabilizava diversos pontos de engarrafamento acima do “normal”, segundo o Google Maps.

Após horas de transtornos, o caminhão foi removido durante a noite.

Confira os registros:

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Morre o músico e compositor cachoeirense Helinho Sampaio

Publicado

por

O músico cachoeirense Hélio de Moraes Sampaio, conhecido como Helinho Sampaio, foi encontrado morto em casa na tarde desta segunda-feira (14). Ainda não há maiores informações sobre a causa da morte e velório.

Hélio era irmão de Sérgio Sampaio. Conhecido popularmente como Helinho, atuava na cena cultural de Cachoeiro, apresentando seus trabalhos e mantendo viva a história do irmão que ficou consagrado com o clássico “Eu quero botar meu bloco na rua”.

Helinho dava aulas de violão e era servidor da Prefeitura Municipal de Cachoeiro, lotado na Secretaria de Cultura, seus colegas de trabalho sentiram sua falta e foram até sua casa, onde o encontraram já sem vida.

O sepultamento do músico acontecerá no cemitério municipal do bairro Coronel Borges, em Cachoeiro de Itapemirim, às 14h desta terça-feira (15).

Luto oficial de três dias

A Prefeitura de Cachoeiro decretou luto oficial de três dias em homenagem ao músico. Confira abaixo a nota na íntegra:

Cachoeiro em luto pelo falecimento do músico Hélio Sampaio

A Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim decretou luto oficial por três dias no município, a partir desta terça-feira (15), pelo falecimento do músico e compositor cachoeirense Hélio Moraes Sampaio, aos 64 anos.

O decreto, que será publicado no Diário Oficial desta quarta (16), salienta que Helinho Sampaio, como era mais conhecido, “dedicou sua vida à construção do bem comum, tendo marcado de forma indelével sua passagem pela vida pública, com realizações na área cultural de valor inestimável para a coletividade”.

Irmão de Sérgio Sampaio e primo de Raul Sampaio, cachoeirenses que gravaram seus nomes na história da música brasileira, e filho do maestro Raul Gonçalves Sampaio, Hélio é reconhecido pelo seu brilhante trabalho na música e na arte, tendo sido um exímio compositor e violonista, além de pessoa humilde, companheira e com enorme carisma.

Nos últimos anos de sua vida, como servidor da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, dedicou-se ao ensino de violão em projeto de oficinas artísticas da Prefeitura, contribuindo com a formação musical de crianças e adolescentes da cidade.

O sepultamento do artista está marcado para as 14h desta terça, no cemitério do Coronel Borges.

 

Com informações do Radar 365

 

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana