conecte-se conosco

Polícia

Vídeos: Operação ‘Caim VI’ resulta em 52 prisões em todo o Espírito Santo

Publicado

 

.

Na manhã desta quinta-feira (21) foi deflagrada, em todo o Estado, a sexta fase da Operação Caim, planejada pela Superintendência de Polícia Especializada (SPE) da Polícia Civil. Um total de 52 detenções foram realizadas, sendo 12 de homicidas que possuíam mandado de prisão em aberto.

Durante o cumprimento de 32 mandados de busca e apreensão, as equipes apreenderam dez armas, munições, drogas, veículos e mais de R$ 5 mil em dinheiro. Na Região Metropolitana de Vitória, mais de 100 policiais foram empenhados, reunindo equipes da Polícia Civil, Polícia Militar, Força Nacional e Guardas Municipais de Vitória, Vila Velha e Serra.

“É uma operação relevante, que demanda muito trabalho das polícias. Estamos falando de 52 pessoas detidas, entre elas doze homicidas, dez armas de fogo… Então é um trabalho que demonstra empenho, dedicação e compromisso das forças de segurança do Estado com a sociedade capixaba”, afirmou o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Alexandre Ramalho.

A Operação Caim tem como principal objetivo direcionar esforços das unidades especializadas da Grande Vitória e do interior do Estado para a redução dos índices de criminalidade, principalmente, o número de homicídios. O foco é o combate a organizações criminosas que atuam principalmente na Grande Vitória, o cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão, e a prisão de homicidas e de traficantes.

A delegada geral adjunta da Polícia Civil, Denise Carvalho, destacou que a participação popular é de extrema importância para o sucesso das ações. “As seis edições já somam 213 detenções em todo o Estado e a contribuição das comunidades com informações é crucial para este resultado. Eu agradeço e peço que a população continue contribuindo com o trabalho da polícia, por meio do Disque-Denúncia 181”, disse.

As prisões desta fase ocorreram em todas as regiões do Estado. Na Região Metropolitana foram 13 detidos. Na região norte, dois detidos. Na região noroeste, seis pessoas foram presas. Na Região serrana do Estado ocorreram 13 prisões e na região sul, foram 18. A sexta fase da Operação Caim foi a que registrou o maior volume de prisões.

Histórico:

O total, até a sexta fase, é de 213 detenções, 47 armas, 1.380 munições, 13 veículos, drogas e mais de R$ 52 mil em dinheiro apreendidos. Em todo o Estado, 175 mandados judiciais foram cumpridos nas seis etapas.

Primeira fase: deflagrada no dia 02 de abril nos municípios de Cariacica e Vila Velha, resultou na prisão de 15 suspeitos, dois adolescentes apreendidos, além de armas, munições e drogas que foram tiradas de circulação.

Segunda fase: realizada no dia 08 de abril, alcançou o resultado de 39 detenções em todo o Estado, apreensão de 10 armas, drogas e munições.

Terceira fase: deflagrada no dia 17 de abril, resultou em 47 suspeitos detidos, dois adolescentes apreendidos, dez armas, 888 munições, entorpecentes, dois veículos e uma moto apreendidos.

Quarta fase: no dia 24 de abril foram efetuadas 12 prisões de adultos e a apreensão de um adolescente, além de três armas, 125 munições, um simulacro de arma de fogo e drogas. Seis prisões ocorreram no interior do Estado e o restante na Região Metropolitana de Vitória.

Quinta fase: no dia 08 de maio, ocorreram 43 prisões em todo o Estado, sendo 16 por cumprimento de mandado de prisão de suspeitos de homicídios. Foram cumpridos 34 mandados de busca e apreensão, que resultaram em apreensão de munições, drogas e dez armas, entre elas uma granada, no bairro Cruzamento, em Vitória.

O nome “Operação Caim” faz referência à história bíblica dos irmãos Caim e Abel e remonta ao primeiro homicídio sobre o qual a sociedade teve conhecimento.

Fonte: Polícia Civil ES

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Investigado por homicídio de adolescente é preso pela DHPP Serra

Publicado

 

.

A equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra prendeu, nessa quinta-feira (04), dois suspeitos de integrarem uma organização criminosa que atua em São Marcos, no município. Os detidos têm 28 e 21 anos sendo que o mais novo tinha mandado de prisão temporária em aberto.

“O mandado de prisão temporária foi cumprido no momento em que o suspeito estava chegando à casa da mãe, em Jardim Limoeiro. Ele tentou fugir, mas foi alcançado pelos policiais que o encaminharam à Delegacia. Ele foi interrogado e confessou o crime”, afirmou o adjunto da DHPP Serra, delegado Ramiro Diniz.

O indivíduo é suspeito de envolvimento no homicídio de um adolescente de 15 anos, acontecido no dia 22 de abril deste ano, no bairro São Marcos I. O crime está relacionado à guerra entre gangues rivais, que disputam o domínio de pontos de tráfico de drogas. Outros dois suspeitos desse homicídio foram capturados pela equipe da DHPP da Serra, no último dia 19, e também confessaram.

Ainda durante as diligências desta quinta-feira, a equipe se dirigiu ao bairro Bela Vista, onde acabou efetuando outra prisão, dessa vez em flagrante. O suspeito, de 28 anos, estava de moto e transportava uma carga de 83 buchas de maconha, quando se deparou com a equipe da DHPP Serra.

“No momento da ação policial, ele abandonou uma motocicleta, e tentou fugir, mas foi capturado pela equipe. Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas”, informou o adjunto da DHPP, delegado Ramiro Diniz.

Fonte: Polícia Civil ES

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

ESTADO

POLÍTICA NACIONAL

ENTRETENIMENTO

Mais Lidas da Semana